Arte, cultura, gastronomia e música no Festival Tempero Bahia

Agende os dias 16 e 17 de setembro para visitar o Passeio Público!  Muita comida saborosa preparada por chefs dos 25 restaurantes que participam do evento gastronômico ao ar livre com música instrumental excelente da Orquestra Paulistana de Viola Caipira, do maestro Fred Dantas, da Terra Brasilis e da Viola de Arame. E ainda tem artesanato e produtos da terra.



Confraria da Música na abertura do show de Zezé di Camargo e Luciano


O show que a dupla Zezé di Camargo e Luciano vai fazer na Arena Fonte Nova no próximo dia 30 de setembro já tem mais uma atração confirmada. A Confraria da Música sobe ao palco para o show de abertura do evento.

A “Confraria da Música” é um movimento musical idealizado pelos cantores e compositores Alex Góes, Alvaro Pinho, Eva Cavalcante e Rafa Chaves que, paralelamente as suas carreiras, compõem o front deste espetáculo musical. Uma banda base de 4 músicos acompanha a turma, que se reveza nos solos e vocais harmoniosos.

O repertório é composto por hits de grandes artistas como Tribalistas, Bob Marley, Djavan, Caetano Veloso, Elton John e Lulu Santos, pontuado por canções próprias, de cada um deles, além de músicas compostas pelos quatro, especialmente para o projeto.

A abertura dos portões está marcada para as 19h30 e a apresentação da Confraria da Música começa às 21h. Os dois filhos de Francisco sobem ao palco às 23h, com o repertório da nova turnê “Um encontro marcado pelo destino’’, que reúne os clássicos da dupla, além do novo single “Destino”, que já está disponível nas plataformas digitais.

Ingressos
Os ingressos já estão à venda nas lojas TicketMix dos shoppings Barra, Salvador e Shopping da Bahia. Os preços variam de R$ 80 (pista) e R$ 140 (frontstage), com pagamento em dinheiro e cartões. O evento é uma parceria da 2GB Entretenimento e da Arena Fonte Nova, consolidando o espaço como palco de eventos multiuso em Salvador.

Sobre a Confraria da Música
O projeto nasceu na Bahia, numa reunião descontraída desses amigos entre os festejos do final de ano, em 2010. Com a intenção de trocar informação musical e obviamente, fazer o que mais gostam. Esses artistas se uniram visando exercitar a música no universo coletivo.

O que era uma reunião despretensiosa acabou caindo no gosto público, da mídia e de toda a classe artística da cidade. A Confraria virou o “xodó” das redes sociais, tendo a hashtag #ConfrariaDaMúsica muito citada.

Apelidada de #ATerçaMaisMusicalDaCidade, também nas redes sociais, a Confraria já participou de vários programas em rádios, Tvs e também concedeu entrevistas a veículos escritos da imprensa.

Nesses quase 6 anos de existência, a Confraria da Música, já dividiu o palco e teve como convidados artistas como: Margareth Menezes, Netinho, Tomate, Márcio Victor (Psirico), Mariano (Dupla Munhoz e Mariano), Alinne Rosa, Tiago Abravanel, entre muitos outros.


Bandas ExoEsqueleto e Jack Doido na terceira Incubadora Sonora 2017


ExoEsqueleto em foto divulgação de Denisse Salazar

O som rocker e autoral das duas bandas marcam o terceiro show da Incubadora Sonora ano 2017, que ao longo de um mês trabalhou a capacitação profissional de nove bandas selecionadas. O evento acontece dia 15 de julho (sábado), às 22h, no Portela Café, custa R$ 5,00 e conta ainda com a participação do anfitrião de todas as edições e idealizador do projeto, o músico Irmão Carlos.

No repertório do show cada banda apresenta as peculiaridades de sua música autoral, o que reflete o foco do projeto em fortalecer o cenário da música independente na cidade de Salvador. A ExoEsqueleto apresenta um show com nuances de experimentalismo e poesia, regadas à mistura de stoner rock, ritmos latinos, música negra e power blues.

Já a Jack Doido leva um repertório com músicas sempre diretas ao ponto, letras simples, arranjos marcantes e a pitada do grunge e do rock dos anos 90. E ainda tem o músico e idealizador do Incubadora Sonora, Irmão Carlos, apresentado o seu novo disco com um repertório dançante que mistura black music, música eletrônica e blues.

Durante o período de incubação foram realizadas oficinas de gravação, produção, fotografia, comunicação e cenografia, além da produção de um ensaio fotográfico e da gravação em estúdio de duas músicas autorais para cada banda. O projeto prevê ainda mais um show em agosto com as demais bandas que integraram a Incubadora Sonora neste ano. O projeto Incubadora Sonora tem coordenação geral de Lindomar Luís, que junto com Irmão Carlos teve a ideia do projeto. A incubadora tem apoio do Governo do Estado da Bahia através da Secretaria de Cultura com recursos do Fundo de Cultura da Bahia, pelo edital 16/2016 – Setorial de Economia Criativa 2016.

3ª Edição do Projeto Incubadora Sonora
Shows: ExoEsqueleto, Jack Doido e Irmão Carlos,
Quando: 15 de julho (Sábado), 22h
Onde: Portela Café (Rua Itabuna, 304 – Rio Vermelho)
Quanto: R$ 5,00


Anúncio e show dos vencedores do Prêmio Caymmi será na Concha


Grupo Pirombeira em foto divulgação de Ulisses Dumas

Nesta semana foram divulgados 110 indicados entre 22 prêmios divididos nas categorias Show, Música com Letra e Instrumental e Videoclipe, dentre estes  bandas, intérpretes, instrumentistas, produtores, diretores e roteiristas de videoclipes, revelações, entre tantos profissionais que movimentam a cena musical

O anúncio dos vencedores acontece dia 11 de agosto, na Concha Acústica do Teatro Castro Alves.O Prêmio Caymmi de Música divulgou nesta semana a lista final de indicados de sua segunda edição. São 110 indicados entre 22 prêmios divididos nas categorias Show, Música com Letra e Instrumental e Videoclipe do no último ano

Este ano o Prêmio Caymmi traz uma homenagem aos 50 anos da Tropicália, importante movimento nascido na Bahia que marcou a história musical brasileira. A direção artística do Prêmio é assinada por Márcio Meirelles e a direção musical é de Alexandre Lins. A Concha foi o local escolhido por ser um local capaz de abrigar um público maior e por ser um espaço de identificação para os moradores de Salvador.

O Prêmio teve como prévia os shows do Festival Caymmi, que contou com apoio financeiro do programa Fazcultura, através da Vivo e das secretarias da Fazenda e de Cultura do Estado da Bahia. Este ano o Festival mobilizou mais de 15 mil pessoas, ao longo de suas 4 edições em diferentes pontos da cidade.

Confira os indicados ao Prêmio Caymmi de Música:

Melhor Show

Duo BAVI
Filipe Lorenzo
Pirombeira
Sertanília
Skanibais

Categoria Show: Intérprete Masculino

Achiles
Silvio de Carvalho (Tabuleiro Musiquim)
Kalu (Kalu // Forró da Gota)
Teago Oliveira (Maglore)
Filipe Lorenzo

Categoria Show: Intérprete Feminino

Aiace
Flávia Wenceslau
Livia Nery
Luedji Luna
Renata Bastos

Categoria Show: Instrumentista

Alan Vilas Boas | bateria |“Gazumba”, “Suinga”,“Tabuleiro Musiquim” e “Tutano”
Aline Falcão | teclado e sanfona |“Danilo Fonseca” e “Pirombeira”
Flaviano Gallo | bateria |“Santini & Trio”
Jr Maceió | sax |“Jr Maceió”
Livia Nery | live eletronics |“Lívia Nery”

Categoria Show: Direção Artística

Alexandre Lins | show “Skanibais”
Jackson Costa |show “Celo Costa”
Larissa Luz |show “Larissa Luz”
Marivaldo dos Santos e Fernanda Mello | show “Quabales”
Talis Castro e Daniel Farias |show “Filipe Lorenzo”

Categoria Show: Direção Musical

Bira Marques |show “Nara Couto”
Anderson Cunha |show “Sertanília”
Grupo Pirombeira |show “Pirombeira”
Átila Santana, Fabrício Mota e Jorge Dubman |show “IFÁ”
Paulo Mutti |show “Filipe Lorenzo”

Categoria Show: Destaque Técnico

Caji | Sonorização |show “Thiago Trad”
Fred Alvin |Iluminação | shows: “Caian”,” Caru”, “Coletivo Aldeia Cênico”, “Danilo Fonseca”, “Filipe Lorenzo”, “Pietro Leal” e “Três Um Só”
João Pucci | VJ | show “Laia Gaiatta”
Maurício Pedrosa | Cenografia | show “Aldeia Coletivo Cênico”
Zuarte Jr – Cenografia |shows “Celo Costa” e “Flávia Wenceslau”

Categoria Show: Produção

Humberto Vale “Curujito” |“Skanibais”
Diana Pinto, Mariana Damásio, Marina Fonseca e Marry Rodrigues |“Aldeia Coletivo Cênico”
Multi Planejamento |“Pirombeira”
Alan Lobo|“Caian”
Edmilia Barros |“Filipe Lorenzo”

Categoria Show: Revelação

Africania
Caian
Duo BAVI
Lívia Nery
Luedji Luna

Categoria Show: Banda

Santini & Trio
Tabuleiro Musiquim
IFÁ
Pirombeira
Skanibais

Melhor Música com Letra

“Branco” | Ubiratan Marques |Orquestra Afrosinfônica
“Forte, Valente Coração “ | Luã Almeida Pereira, Diego Cardoso Azevedo, Jackson Almeida Pereira e Vinícius Cerqueira Mendes | Baiano Mundo
“Instante Pra Se Lembrar” | Ian Cardoso | Pirombeira
“Ode à Ilusão” | Carlos Henrique Araujo Silva | Carlos Henrique Araújo Silva
Vulcanidades | Lívia Nery | Lívia Nery

Melhor Música Instrumental

“Amálgama” | Luã de Almeida Pereira | Luã Almeida
“Bons Ventos” | Jana Vasconcellos | Jana Vasconcellos
“Cadê o Bongô?” | Gabriel Arruti | Pirombeira
“Giro do Sol” | Raoní Maciel | Raoní Maciel
“Trezena” | Alex Mesquita | Alex Mesquita

Categoria Música com Letra: Intérprete Masculino

Achiles | “Mar de Refrigerante”
Artur Carneiro | Kromosons Brazil | “Maya”
Diego Oliveira | Benjamin Existe | “Spark”
Giovani Cidreira | “Um Capoeira”
Kalu | “No Afeto”

Categoria Música com Letra: Intérprete Feminino

Flavia Wenceslau | “Por Uma Folha”
Karol Guaitolini | “Hoje”
Larissa Luz | “Meu Sexo”
Lívia Nery | “Vulcanidades”
Suzana Bello | “Força da Geração”

Categoria Música com Letra e Instrumental: Intérprete Instrumental

Ivan Sacerdote | Clarineta |Guararapes
Jana Vasconcellos | Violão | Bons Ventos
Luis Fernando “Louis” Melo | Bateria | Incerto Adeus
Páris Menescal | Guitarra solo | Incerto Adeus
Raoní Maciel | Violão | “Cadê João?” e “Giro do Sol”

Categoria Música com Letra e Instrumental: Arranjo

Branco | Ubiratan Marques | Orquestra Afrosinfônica
Cadê João? | Raoní Maciel | Raoní Maciel
De Qualquer Maneira | Aiace e Paulo Mutti | Aiace
Instante Pra se Lembrar | Grupo Pirombeira | Pirombeira
Maya | André Magalhães |Kromosons Brazil

Categoria Música com Letra e Instrumental: Produção Musical

André Luis Magalhães Costa Pinto | Maya |Kromosons Brazil
Banda Baiano Mundo | Forte, Valente Coração | Luã Almeida
Larissa Luz, Pedro Tie, Jr Tostoi e Pedro Itan | Meu Sexo | Larissa Luz
Vicente Fonseca | Amor de Pavarotti | Gepetto
Rafa Dias e Lívia Nery | Vulcanidades | Lívia Nery

Melhor Videoclipe

“Bonecas Pretas” | Larissa Luz
“Canto Africano” – Raquel Monteiro
“Kamikase” – Dario Nunes Moreira
“Modo Hard” – Circo de Marvin
“Um Corpo no Mundo” | Luedji Luna

Categoria Videoclipe: Direção

Egon Costa | Antes do Fim | Semivelhos
Glauco Neves e Bruno Souri |Modo Hard | Circo de Marvin
Glauco Neves e Rodrigo Hohlenwerger | Bonecas Pretas |Larissa Luz
Joyce Prado |Um corpo no mundo | Luedji Luna
Luan Andrade | Kamikase |Dario Nunes Moreira

Categoria Videoclipe: Fotografia

Carlos Faria | Ela Diz | Gepetto
Egon Costa | Antes do Fim | Semivelhos
Elísio Lopes Jr | Linda e Preta | Nara Couto
Luan Andrade | Kamikase |Dario Nunes Moreira
Pablo Moreno Pires | Canto Africano | Raquel Monteiro

Categoria Videoclipe: Produção

Adriano Ribeiro | Modo Hard | Circo de Marvin
Bori Filmes / Igo Pereira | Prisma | Vivendo do Ócio
Iago Sarmento (produtor executivo) e Alexandre Pires (produtor) | Kamikase | Dário Nunes Moreira
Nzinga Produções | Bonecas Pretas | Larissa Luz
Semivelhos | Antes do Fim | Semivelhos

Categoria Videoclipe: Roteiro

Bruno Souri | Modo Hard | Circo de Marvin
Egon Costa | Kamikase |Dario Nunes Moreira
Fabrício Barreto e Fábio Shiva | Abdução de Endubsar |
Mensageiros do vento
Márcio Gurgel | Grande Gandhy | Dó Ré Mi Lá
Max Gaggino | O Racismo Mata | Os Agentes


Sofar Sounds: evento musical secreto vai movimentar a cidade

Para quem gosta de música em um ambiente agradável, já pode agendar domingo (16), porém as atrações, local e horário somente serão divulgados poucos momentos antes.


Foto divulgação Heder Novaes

O evento já marcou presença em 35 países e mantém a característica de guardar o segredo. As vagas são limitadas, máximo de 120 pessoas, podendo acontecer em locais inusitados, como a sala de uma residência, uma loja ou uma galeria. Em edições anteriores participaram artistas como Larissa Luz, IFÁ, Targino Gondim, Pablo Dominguez, Leo Fressato, Sandyalê, Sertanília, Andrea Martins, Toco Y Me Voy, Adelmo Casé, entre outros que estão se destacando na cena local, mas também podendo aparecer novidades.

São 3 a 5 músicos ou bandas que se apresentam, sendo gravado um clipe de cada artista que será divulgado na rede social do projeto, com visibilidade mundial. Cada show tem duração de 25 minutos onde o público é convidado a assistir às apresentações acomodados e em silêncio. Além das apresentações musicais, outras expressões da arte compõem o clima: pode ser um artista visual pintando ao vivo, exposições, performances entre os shows, um DJ, etc.

Não há venda de ingressos, nem bilheteria, o público é estimulado ao consumo cultural, fugindo da relação comercial tradicional de um evento de música em que se troca dinheiro por um ingresso. Este projeto funciona à base de colaborações voluntárias, onde são distribuídos em troca brindes como adesivos, playlists em mp3, cds, vinis, ecobags, almofadas, camisetas, entre outros.

Os interessados podem acompanhar maiores informações no site internacional do projeto: https://www.sofarsounds.com/salvador, e seguir o roteiro de inscrição para garantir presença. Após o preenchimento da ficha, o solicitante em até 48 horas antes do evento recebe a confirmação do horário e local das apresentações.O projeto Sofar Sounds é contemplado pelo edital setorial de música do Fundo de Cultura, Fundação Cultural, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura do Estado da Bahia.
Sofar Sounds – nasceu em Londres em 2009. Os amigos Rafe Offer e Dave Alexander decidiram criar um evento em que a música fosse o foco e a principal razão para reunir pessoas. Juntaram a isso um intrigante e estimulante fator: o segredo. Cada evento do Sofar Sounds é único. Primeiro, é itinerante: cada evento acontece em um lugar diferente, preferencialmente lugares inusitados como uma galeria, a sala de estar de alguém, ou um deck de piscina. Segundo, porque cada evento tem endereço e atrações secretas: os interessados se inscrevem para participar de um evento sem saber onde acontecerá e quais artistas se apresentarão.

Sofar Souds realiza evento “secreto” em Salvador
Local: A divulgar
Data: domingo, 16 de julho
Valor: Contribuições voluntárias
Inscrições: https://www.sofarsounds.com/salvador


Cantor alagoano Wado apresenta CD Ivete em homenagem à cantora baiana

Salvador recebe o artista alagoano Wado, que traz pela primeira vez à capital baiana o show do CD ‘Ivete’, no próximo dia 29 de julho. O evento acontece no Dubliners Irish Pub e terá ainda apresentações de Irmão Carlos e da banda Astralplane.


Lançado em 2016, o álbum ‘Ivete’ – cuja inspiração para o nome foi a cantora Ivete Sangalo – abusa da baianidade e mistura axé com música popular, um verdadeiro carnaval fora de época com extrema poesia e riqueza. No repertório do CD, é possível ouvir regravações de Gilberto Gil e Moreno Veloso, além de parcerias com Zeca Baleiro, Marcelo Camelo e Thiago Silva, do Sorriso Maroto. Em 2017, Wado completa 16 anos de carreira com nove discos lançados.

Quem também irá animar o público soteropolitano é o artista Irmão Carlos, que entra em uma nova fase com seu projeto solo. O disco homônimo, lançado este ano, reúne participações da banda IFÁ Afrobeat e de músicos como Eric Assmar e Juninho Costa (Junix).

A abertura da noite fica por conta da psicodélica Astralplane, uma das bandas revelações da NHL MUSIC. No disco de estreia, lançado em 2017, o grupo revisita suas raízes e faz um som com grande influência brasileira. As composições passeiam pelo pop psicodélico e um gostinho de rock dos anos 80.

Ingressos
Quem quiser, pode garantir o ingresso antecipado pelo valor de R$ 20, já disponível no site Sympla através do endereço http://bit.ly/NHLApresenta ou adquirir a entrada no próprio Dubliners Irish Pub. Para nomes na lista, é necessário acessar o mural do evento no link http://bit.ly/EventoNHL. No dia do show, os ingressos serão vendidos a R$30.

O quê: NHL Produções apresenta Wado (AL) + Irmão Carlos, com abertura de
Astralplane
Quando: 29 de julho (sábado), às 22h
Onde: Dubliners Irish Pub – Rua da Paciência, 255, Rio Vermelho, Salvador
Ingressos:
R$ 20 (antecipado) vendas no Dubliners Irish Pub ou no Sympla http://bit.ly/NHLApresenta
R$ 25 (lista) no mural do evento http://bit.ly/EventoNHL
R$ 30 (no dia do evento)