Festival Aqui de Casa na TVE

O Festival Aqui de Casa, o primeiro festival inteiramente feito em casa na história da TV brasileira, volta às telas da TVE em três episódios …






Targino grava com Fagner música dele e Alexandre Leão


Targino Gondim e Fagner gravam juntos “Não Dá Mais”, composição de Gondim e Alexandre Leão. A música dá continuidade ao projeto sem limites. Raimundo Fagner, um dos maiores nomes da MPB e amigo de muitos anos do sanfoneiro, participa do Projeto Targino sem Limites.

No projeto Sem Limites já participaram nomes como Zeca Baleiro, Ivete Sangalo, Carlinhos Brown, Saulo e Bell Marques. “É uma canção muito bonita. Contei com a primazia na composição com meu amigo Alexandre Leão e ter a voz de Fagner é um luxo”. Disse o sanfoneiro.

Redes Sociais

Instagram:@targinogondimoficial
Facebook:@targinogondimoficial/
Spotify: https://open.spotify.com/artist/06DyNLtCMLMWhuB5YtocAR

YouTube Targino na farra: https://www.youtube.com/watch?v=jQTNxZKPVEY&feature=youtu.be

YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=pTCDqgcKdIM&list=PL_HGhfk_snV88i0rMC9zIFy7HIadp9BnE&index=1


Ganhadeiras de Itapuã lançam o show de 15 Anos no YouTube


Divulgação

Depois da exitosa homenagem da Viradouro, as Ganhadeiras de Itapuã lançaram o seu primeiro registro ao vivo

As celebrações das Ganhadeiras de Itapuã em 2020 não param. Depois da marcante vitória como samba-enredo da Unidos do Viradouro, lançaram o DVD Ganhadeiras de Itapuã 15 Anos – Uma História Cantada, na TVE e já está disponível no Youtube. O grande público poderá conferir a íntegra do show gravado em julho de 2019, no Palco Principal do Teatro Castro Alves.

O DVD celebra a trajetória de um dos mais importantes grupos musicais de cultura popular do Brasil, cujo conteúdo será disponível em versão física e On Demand. A direção audiovisual e artística é da Movida Conteúdo e a produção da Maré Produções Culturais. O projeto tem patrocínio da Natura Musical e do Governo do Estado, através do Fazcultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura da Bahia.

O DVD traz participações especiais com artistas como Mariene de Castro, Margareth Menezes, Larissa Luz, Saulo, Malê de Balê, o Sambista Seu Regi de Itapuã e a Unidos do Viradouro. Com direção musical e arranjos de Amadeu Alves, o repertório reúne canções autorais das próprias integrantes do grupo, quanto de compositores do bairro de Itapuã, além de uma passagem por canções de Dorival Caymmi, prestando uma homenagem ao lendário bairro de Salvador. O show registro teve direção artística e audiovisual de Dayse Porto, além da direção de movimento de Nara Couto, cenografia de Renata Mota e iluminação de Irma Vidal.

As obras escolhidas tanto remontam as histórias das Ganhadeiras de Itapuã, cuja função social atravessou os séculos e marca a importância do trabalho das mulheres negras na dinâmica social da cidade, quanto também evocam a paisagem única do bairro.

Além de celebrar a história das mulheres negras, o registro audiovisual do show das Ganhadeiras de Itapuã envolveu o encontro de diferentes linguagens artísticas, evocando a atmosfera de Itapuã, sua paisagem suas cores, a memória do lugar. Um dos mais cantados bairros de Salvador é palco para história das mulheres negras, suas lutas, o matriarcado, seu trabalho e o lugar do canto, como um espaço de criação e reinvenção das crônicas do dia a dia através da música.

Sonho – Como qualquer debutante, as Ganhadeiras de Itapuã veem na sua festa a realização de um sonho há muito esperado. Dona Maria do Xindó, uma das matriarcas e cantora do grupo, afirma que é uma vitória e a realização de um desejo antigo. “Vemos como a realização de um sonho, algo que queríamos muito e nem mais esperávamos que pudesse acontecer” declara.

De acordo com Verônica Raquel das Virgens, as músicas que compõem o DVD acompanham as mulheres do grupo há muito tempo, desde a infância das cantoras, passando pela fundação do grupo. “As músicas que integram o DVD já são apresentadas pelo grupo há muito tempo e fazem parte de suas vidas. No decorrer da trajetória, chegaram composições de Seu Regi de Itapuã, Amadeu Alves, Dona Eunice entre outros, novos compositores como Edvaldo Borges, com o Samba de Mar Aberto e uma composição minha. É um repertório de músicas que desejam levar magia, encantamento e verdade para o público” revela a integrante do grupo.

“Para mim, o DVD é um registro para as próximas gerações. Deixar para meus netos, bisnetos, tataranetos. Guardar a memória de Itapuã, de um grupo que cantou o jeito de ser desse bairro. E os grupos convidados fizeram parte de nossa história, nos apoiaram ao longo da nossa trajetória” conta Dona Maria Hermínia. Para ela, os grupos culturais de Itapuã são decisivos para mostrar outras feições do bairro, muitas vezes marginalizado e essa obra contribuirá para fazer mais pessoas conhecerem a riqueza do bairro.

Lançamento do DVD “Ganhadeiras de Itapuã 15 Anos – Uma História Cantada”
Data: no Canal das Ganhadeiras de Itapuã no YouTube

 


Assista em casa com as crianças Aventuras do Reino Congelado


Divulgação

Reúna as crianças para assistir em casa ao espetáculo Aventuras no Reino Congelado que estará em cartaz no Youtube, às 10 horas, terça-feira (14). De acordo com os organizadores, “ano passado ficamos encantados com o espetáculo Aventuras no Reino Congelado que fizemos no teatro aqui em Salvador, e, no momento que estamos vivendo, nasceu um projeto no coração da Gmas e da Cia de Teatro Carlos Moreira, o qual vamos lançar nesta próxima terça-feira, para os pais como atividades lúdicas com os filhos em casa”.

🎭 Teatro em casa 🏠
Quando: 14 de abril ás 10h
Espetáculo: Aventuras no reino congelado.
Local: No youtube , acesse o link, se inscreva no canal para garantir assistir gratuitamente no dia a partir das 10h: https://www.youtube.com/channel/UCxTabBzpP8XXnxd8GKDDvnA (Acesse e se inscreva).

🚨R$ GRÁTIS🚨

🎈 Para família toda assistir juntinho!🎈
Assista aqui trechos do espetáculo:
🔉Avise as amigas com babys para também assistirem, pois 🎥 o espetáculo vai começar! 🎞


Fundação Gregório de Mattos lança programação virtual


Orin. Foto Henrique Duarte/ Divulgação

Com objetivo de entreter a população em período de confinamento e incentivar o movimento #fiqueemcasa, a FGM monta programação virtual em seu canal do YouTube

A Prefeitura de Salvador, por meio da Fundação Gregório de Mattos, lança, a partir de amanhã (26), o #ConexãoFGM. Uma programação virtual que vai exibir produções audiovisuais de artistas locais, resultado de projetos apoiados ou aprovados via editais desta instituição.

Serão dois filmes por dia, sendo um com conteúdo para o público infantil e outro, com classificação livre, porém, voltado para adultos. Todos os dias, de segunda a sexta, das 08h às 21h, será possível assistir do computador, smart TV, tablet, celular… qualquer dispositivo eletrônico com acesso a internet, através do canal da FGM no YouTube. Já nos finais de semana, a programação começa às 08h do sábado e encerra às 21h do domingo, com conteúdos oriundos das oficinas de audiovisual do Boca de Brasa.

#ConexãoFGM tem início amanhã (26), com O Eclipse, infantil, com direção de Lorena Sales, Uiran Paranhos, Danilo Umbelino e Murilo Deolino. O filme com a história de Mateus, Jana, Claudinha e Juninho, crianças de classe média que se reúnem no playground do prédio para assistirem ao eclipse solar, mas depois de perceberem que os arranha-céus em volta do lugar bloqueiam a visão do sol, precisam se aventurar fora dos limites do prédio e enfrentar os obstáculos que a cidade oferece para tentarem ver o tão esperado fenômeno.

O público também poderá assistir Orín – Música para os Orixás, adulto, com direção de Henrique Duarte. O doc mostra como a Música Popular Brasileira foi muito influenciada, ao longo do tempo, por terreiros de Candomblé, que foram precursores de gêneros que deram origem ao samba, o baião, e até mesmo o funk carioca. Para entender melhor como funciona a resistência musical e espiritualista dos Orixás, diversos sociólogos, artistas e etnomusicólogos analisam as cantigas sagradas chamadas de Orin na linguagem iorubá.

Na sexta (27), o #ConexãoFGM traz o infantil, Doido Lelé, com direção de Ceci Alves. Na história, Caetano sonha em ser cantor de rádio na década de 50 e foge todas as noites de casa para tentar, sem sucesso, a sorte no programa de calouros. Até que, uma noite, ele aposta tudo numa louca e definitiva performance.

O outro filme exibido, será Retalhos – A Memória Viva de Saramandaia, com direção de Lúcio Lima. Retalhos é um documentário que traz as memórias afetivas de uma comunidade na fala do menino Emerson Almeida e seu sonho de poder levar o nome de Saramandaia ao mundo através de sua arte circense, sempre com um sorriso puro no rosto. Nos traços do grafiteiro Thito Lama, que desenha e canta os males sociais servindo de exemplo e alertando os jovens da comunidade. E na sabedoria ancestral do Sr. Armando, um dos moradores mais antigos do bairro que ainda mostra a lucidez necessária para conduzir Saramandaia para novas conquistas. As ruas vivas trazem o nome dos ilustres moradores e os heróis de lá não usam capa, mas já colocaram seus poderes mortais em ação com o objetivo de desfazer o olhar preconceituoso que recai sobre todos da comunidade. Os retalhos estão sendo montados e passado, presente e futuro do bairro vivem com um objetivo em comum: manter viva a memória de Saramandaia.

Sábado e domingo serão exibidos os vídeos produzidos pelos alunos da oficina de audiovisual do Boca de Brasa 2019. Os filmes ficarão disponíveis na programação das 08h do dia 28, até as 21h do dia 29. São eles:

A PAZ – Videoclipe da música A Paz, composição de MC Manezinho, aluno da Oficina Usina de Cinema do projeto Boca de Brasa que acontecer no Subúrbio 360º. O clipe foi produzido em julho de 2019 e contou com a participação dos alunos da oficina.

O voo do menino Ícaro – O curta narra a história de Ícaro, 13 anos, morador de Valéria, que participa do projeto Formando Campeões e tem sua vida modificada com a pratica do jiu-jitsu. O projeto tem Délio Lima como seu criador, ele conta a importância de seu projeto na formação cidadã destes jovens, que vão além das técnicas da arte marcial. Esse documentário é resultado prático da Oficina de Cinema Boca de Brasa realizada no CEU em Valéria.

Café com Brasa – Programa em formato de entrevistas com convidados para um bate papo, onde eles irão explicar como funcionam as atividades do Subúrbio 360° e a parceria com o Boca de Brasa. Informações de como as ações promovidas melhoram a vida do público que frequenta o local em Vista Alegre. O que o espaço traz para o futuro profissional e pessoal das pessoas. O apresentador Eduardo Moura, aluno da Oficina de Cinema conversará no primeiro episódio do programa com a administração do Subúrbio 360° e com o presidente de Fundação Gregório Mattos para falar das Oficinas Boca de Brasa. Ambos darão informações de como funcionam as diversas oficinas, a ocupação da comunidade nos eventos culturais, entre outros agitos no local.

Lagoa da Paixão Futebol Clube – Vídeo sobre as escolinhas de futebol no bairro da Lagoa da Paixão e como isso impacta na vida das crianças e jovens que fazem parte dos projetos esportivos que trazem transformação social. As iniciativas de moradores como Laudelino e Claudio serão exemplos de como atuam as escolinhas na comunidade.

Eu sou Boca de Brasa – Documentário de curta metragem que conta a história do projeto Boca de Brasa que surgiu nos anos 80 levando arte e cultura aos vários cantos de Salvador, uma promoção da Fundação Gregório de Mattos. Boca de Brasa oferece oficinas, diversas apresentações artísticas, cineclube, sempre mobilizando as comunidades mais carentes e levando oportunidades ao longo destes 30 anos pela cidade e para sua gente.

Semana que vem, tem mais! Basta seguir a FGM nas redes @fgmoficial (Instagram) e @fgmcultura (Facebook) para saber a programação, dia a dia.
|



Acesso ao Codecon pela internet


Foto Bruno Concha / Secom-PMS

Quem precisava ir até a sede da Diretoria de Defesa do Consumidor (Codecon), na Rua Chile, para fazer uma denúncia ou solicitar um formulário de cálculo, agora também pode contar com os serviços online através do site do órgão, no endereço www. codecon. salvador. ba. gov. br, ou aplicativo Codecon, disponível no Google Play. A novidade foi divulgada, durante a apresentação do ranking das empresas mais reclamadas por consumidores na capital baiana, no auditório da Faculdade Uniceusa, no bairro do Imbuí.

Com um design que facilita o acesso da população, a ferramenta encurta o trajeto do consumidor economizando tempo e dinheiro. Segundo a titular da Codecon, Roberta Caires, serviços como denúncia online com foto, download de arquivos, acesso ao cadastro de reclamação fundamentada para conhecer o perfil das empresas, entre outras funcionalidades também são encontrados no site e aplicativo.

“Acredito que, com mais esse mecanismo, vamos aumentar o número de atendimentos e a resposta vai ser cada vez mais rápida para o consumidor. Mesmo com o auxílio do site, nossa sede permanece atendendo na Rua Chile e nas Prefeituras-Bairro”, pontuou Roberta.

Ranking – Durante o evento, a diretora da Codecon ressaltou que o Cadastro de Reclamação Fundamentada, que apresenta aos consumidores o ranking das empresas mais reclamadas do ano, é um instrumento obrigatório do órgão, com o papel de informar os clientes sobre os serviços prestados pelas empresas. “Por meio do ranking eles passam a ter a oportunidade de pesar na balança se devem mesmo contratar os serviços prestados por essas empresas que já estão em processo de reclamação”, explicou.

As três primeiras posições da lista são compostas, respectivamente, pelas empresas Crefisa S.A Crédito, Financiamentos e Investimento, Empresa Bahiana de Águas e Saneamento (Embasa) e o Hipercard Banco Múltiplo S.A. Isso porque, segundo a titular da Codecon, as empresas financeiras vendem uma facilidade de crédito diante da necessidade do consumidor. “Com a questão do hiperendividamento, o consumidor fica vislumbrado com esse acesso fácil ao crédito. Ele não verifica que, quanto mais parcelamento, mais juros e multas estão embutidos ali, e vai virando uma bola de neve” alertou.

Além das ferramentas que facilitam a acessibilidade dos clientes, a Codecon realiza palestras e reuniões em 163 bairros de Salvador, com o Codecon & Você. O programa orienta os consumidores e fornecedores, levando noções básicas dos direitos e deveres de cada ente.