Crianças têm programações especiais nos espaços culturais


Larissa e seus amigos mágicos em foto divulgação de Diney Araújo

Espaços culturais da capital e de outras cidades baianas celebram o mês da criança com programação voltada para o público infanto-juvenil

Traquinagens, brincadeiras, diversão e arte foram os elementos utilizados para criar a programação de outubro dos espaços culturais da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) tanto na capital como em outras cidades baianas. Voltada especialmente para as crianças, estão previstos festivais, atividades de música, dança e teatro, além de oficinas, tudo pensado para estimular a fruição artística e o senso de pertencimento cultural nas crianças.

Em Salvador, o Espaço Xisto Bahia promove a sexta edição do Festival Xistinho até o dia 12, quando acontecem diversas atividades formativas. O Xistinho é um projeto já consolidado no calendário da cidade, que sempre contempla atividades de teatro, música, dança, além de oficinas que dialogam entre diversos campos artísticos para a primeira e segunda infâncias. A programação completa do festival está disponível no site da SecultBA.

O Centro Cultural Plataforma recebe o Erê Omô – Festival da Infância nos dias 17 e 18. O festival, cujo nome, em iorubá, significa brincadeira de criança, vem para preencher uma lacuna de ações voltadas para a infância no Subúrbio de Salvador. Em sua proposta, são realizadas atividades lúdicas, jogos e animações.

No bairro do Uruguai, o Espaço Cultural Alagados recebe atividades diversas voltadas para a formação e fruição infantil. No dia 18, às 15h, acontece uma oficina de Contação de Histórias para as crianças da comunidade. Já no dia 25, às 18h, o grupo Semente do Amanhã apresenta uma mostra de dança afro, enquanto que no dia 28, às 16h, a banda MS Evolução promove um show infantil especial. O Terça Cultural, projeto que já é tradicional da casa, promove uma mostra pensada pelas e para as crianças no dia 31, às 15h.

A peça teatral Larissa e seus amigos mágicos abre a programação infantil do Cine Teatro Solar Boa Vista, nos dias 4 e 10, às 8h. O texto conta a história de uma menina que brincava e se divertia com outras crianças até ser hipnotizada pela tecnologia. Mais adiante, nos dias 21 e 28, às 8h e às 14h, o projeto Solar da Infância pretende fortalecer o senso de cidadania, autoestima e pertencimento das novas gerações. Ainda no dia 28, a partir das 14h, acontece o musical infantil A Grande Festa, com paródias de diversos personagens animados.

Outras cidades com espaços da Secult

Feira de Santana – O Centro de Cultura Amélio Amorim é palco mais uma vez do Festival Nacional de Teatro Infantil de Feira de Santana (Fenatifs). Em sua décima edição, o projeto acontece de 6 a 12 de outubro, com mostras competitivas de grupos e instituições de todo o Brasil que encenam espetáculos com temas voltados para a infância e a juventude.

Alagoinhas – Atividades formativas e apresentações teatrais são destaques do Centro de Cultura de Alagoinhas especial que também tem programação el . Nos dias 10 e 11, às 9h e às 14h, o espetáculo infantil A Formiga e Cigarra retrata a clássica história de uma Cigarra que não se leva a sério, que zombava de sua amiga Formiga, por ela trabalhar em busca de seu sustento. Tudo era muito bom até a chegada do inverno. Já no dia 12, a partir das 14h, acontece a Oficina de Teatro para Crianças, a Roda de Brincadeiras Antigas e a apresentação do espetáculo Desmanchando o Conto.

Santo Amaro – o Teatro Dona Canô recebe nos dias 5 e 06, às 11h, 14h e 16h, o espetáculo teatral Baú de Histórias. Formado por quatro contos da literatura infantil de matrizes africana, europeia e indígena, que são contados e representados para fazer o público pensar, sentir e se identificar com outros homens de tempos e lugares diversos.

Teatro Gamboa Nova também celebra o mês da criança

Foto divulgação de Tati Carcanhollo_

Números de Mágica com o Palhaço Espiga, teatro com o Grupo VilaVox, João Lima e Coletivo Maraka, além de música com o Canastra Real e um bate-papo especial sobre alimentação infantil. O CineGamboa traz o curta Miúda e o Guarda-Chuva.

Ser criança é poder vivenciar o mundo com poesia e alegria. É compartilhar muita energia, esperança e renovação. Por isso unimos artistas e pensadores que farão deste palco um grande encontro.

Programação

Miúda e guarda-chuva
Curta-metragem de animação baseado no conto homônimo da atriz e escritora Paula Lice, em parceria com o autor Victor Cayres. Miúda alimenta sua planta carnívora com formigas que arquitetam um plano secreto cheio de fatos extraordinários. A direção é de Amadeu Alban e Jorge Alencar. Desenhos e direção de arte de Igor Sousa.

Exposição
10 anos de Boa Nova – Galeria Jayme Fygura
quarta a sábado das 16h às 20h e domingo das 15h às 17h
Imagens diversas, com conteúdo afetivo e visual da história do projeto Gamboa Nova, através da colaboração de diferentes artistas que ilustraram as capas das programações do teatro nos últimos anos.

Bate-Papo
Roda de Conversa sobre Alimentação Infantil
06/10 – sexta – 19h
Com a facilitadora, nutricionista Veranúbia Mascarenhas, será um encontro voltado para pais, mães e filhos que entendem a alimentação como o princípio da saúde e do bem-estar, com dicas importantes sobre a relação entre as crianças e os alimentos.
Classificação Livre

A Mágica do Amor em foto divulgação de Tati Carcanhollo_

Mágica
A Mágica do Amor – Fernando Lopes
14 e 15/10 – sábado e domingo – 11h e 16h
É um show onde o Palhaço Espiga apresenta diversos números, de mágica e palhaçaria, trazendo momentos de extrema precisão técnica e também interação com o público, o que torna cada apresentação singular, valorizando sempre o amor como solução dos problemas.
Classificação Livre

Teatro
Passaredo Passarinholas – Grupo Vilavox
07 e 08/10 – sábado e domingo – 11h e 16h
Espetáculo que utiliza elementos do universo infantil, resinificando os brinquedos populares para dar teatralidade aos contos inspirados nas narrativas populares griots. Explica a origem das coisas segundo a ancestralidade das tradições orais.
Classificação Livre

O Casamento do Palhaço
13, 20 e 27/10 – sextas – 20h
Comédia romântica que, utilizando as técnicas da palhaçaria, comicidade física e das artes circenses, conta a história de um palhaço/mágico que no dia do seu casamento é abandonado pela noiva.
Classificação: Adulta sem contraindicação para menores

Ensina-me a voar? – Coletivo Maraka
28 e 29/10 – sábado e domingo – 11h e 16h
Traz de maneira lúdica, dinâmica e interativa, a história de Luísa, uma menina sonhadora que tem o difícil sonho de voar. Aborda a importância de não desistirmos dos nossos sonhos, sejam eles grandes ou pequenos.
Classificação: A partir dos 05 anos

Música
Toada Crianceira: cancioneiro brincante da infância – Grupo Canastra Real
21 e 22/10 – sábado e domingo – 11h e 16h
Um espetáculo musical interativo e lúdico para crianças e adultos, que rememora as brincadeiras de infância a partir de pesquisas sobre o repertório de canções e textos de tradição oral, como acalantos, brincos, lenga-lengas, trava-línguas, adivinhas, desafios, tangolomangos, quadras populares, entre outros.
Classificação Livre

Espetáculo infantil Victor James – o menino que virou robô de videogame na Caixa Cultural

Ao celebrar o mês das crianças, a Caixa Cultural Salvador apresenta uma curta temporada do espetáculo Victor James – o menino que virou robô de videogame, uma peça que une teatro, mímica e humor. Trata-se de uma viagem teatral ao universo dos jogos eletrônicos, sendo apresentado pelo grupo Etc e Tal, formado pelo trio de cômicos Alvaro Assad, Marcio Moura e Melissa Teles-Lôbo com 24 anos de estrada.

As apresentações ocorrem de 12 a 15 de outubro (quinta-feira a domingo) e também nos dias 21 e 22 do mesmo mês (sábado e domingo), sempre às 15h. No dia das crianças (12) e no sábado (21), ocorrerão sessões extras, às 17h. Os ingressos serão vendidos a partir das 9h do primeiro dia de apresentação, para todas as sessões de cada semana: quinta-feira (12) e sábado (21). As vendas acontecem na bilheteria da própria Caixa Cultural Salvador, na Rua Carlos Gomes, 57, Centro.

Referência na linguagem da mímica, o grupo Etc e Tal tem no seu repertório diversos espetáculos para adultos e para crianças. Victor James atende a todas as idades e já percorreu o Brasil em diversos festivais teatrais. Também passou pela Europa, onde participou do Festival de Teatro Infantil da Dinamarca, tendo sido o primeiro espetáculo brasileiro a estar nesse consolidado encontro internacional.

O espetáculo é uma divertida e inusitada mistura de linguagens teatrais, que reúne narração, mímica e desenhos projetados. Com o efeito ilusório da mímica, os atores chegam ao imaginário do público através de diferentes personagens e formas geométricas, que se constroem no espaço. A trilha sonora é composta em harmonia com a movimentação dos atores e os figurinos são ilustrados diretamente em seus corpos.

O enredo se constrói a partir de um garoto que passa seus dias em frente a um jogo de vídeo game, negando café, almoço, jantar, banho e estudo. Sonhando com as sensações de ter os poderes dos personagens do game, Victor finalmente se transforma em um dos seus bonecos, passando a viver experiências nada agradáveis dentro da prisão que é uma tela de computador. Sentindo na própria pele o que seus bonecos virtuais sentem, ele passa a descobrir seus limites.

Após a apresentação do dia 14 de outubro (sábado), haverá uma sessão de bate papo com os atores do grupo Etc e Tal. Eles vão trocar informações com o público sobre a trajetória dos mais de 20 anos de grupo, além de curiosidades sobre o mundo da mímica e a adaptação de obras literárias para os palcos.

Victor James – o menino que virou robô de videogame
Período: de 12 a 15 de outubro e nos dias 21 e 22 de outubro
Horário: às 15h. Nos dias 12 e 21 de outubro, serão realizadas sessões extras, às 17h.
Local: Caixa Cultural Salvador (Rua Carlos Gomes, 57, Centro)
Ingressos: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia)
Bilheteria: os ingressos serão vendidos a partir das 9h do primeiro dia de apresentação, para todas as sessões de cada semana: quinta-feira (12) e sábado (21)
Classificação indicativa: livre
Informações: (71) 3421-4200
Conveniência: estacionamento gratuito ao lado, aos sábados e domingos

I

 


“Meu passado me condena – A Peça” com Fábio Porchat e Miá Mello


 

Miá Mello e Fábio Porchat em foto divulgação

Quem já viu o filme, terá a satisfação de ver os artistas em cena ao vivo contracenando uma das peças de maior sucesso no eixo Rio/São Paulo que estará em Salvador no dia 14 de outubro. O casal Miá Mello e Fábio Porchat está de volta em Meu Passado Me Condena – A Peça, com o espetáculo acontece no Teatro Castro Alves. Miá e Fábio se conhecem na fila do banheiro de uma festa e um mês depois se casam. “A peça se passa antes do filme e do seriado. Fábio e Miá chegam em casa depois da festa de casamento e começam a discutir a relação”, explica Porchat.

Assim, depois que chegam ao novo apartamento, o casal até tenta entrar no clima para a noite de núpcias, mas o apartamento pequeno, os presentes que não agradam, as duas famílias e – pior! – o fato de não saberem nada sobre o passado um do outro começa a interferir na lua-de-mel. Será que o amor sobrevive a essa noite?

O texto, divertido e inspirado, é de Tati Bernardi, que também assinou os roteiros da série e do filme homônimos, ambos produzidos por Mariza Leão e dirigidos por Julia Rezende. A série teve duas temporadas exibidas pelo canal Multishow. O filme foi a segunda maior bilheteria nacional de 2013, ultrapassando três milhões de expectadores.

A direção fica por conta de Inez Viana, também atriz, que deu vida à Suzana, grande conselheira do jovem casal junto a seu ex-marido Wilson, interpretado por Marcelo Valle, personagens que participaram da história no cinema e na TV. “O ponto de vista é outro. Antes eu só atuava, agora precisarei também pensar no conceito de Meu Passado Me Condena – A Peça. E apesar de ser minha sétima direção em teatro, sempre é um novo desafio”, completa. “Sua bagagem teatral tem feito toda a diferença no trabalho e o fato da gente se conhecer bem ajuda muito nesse processo. A Inez sempre sabe aonde dá para puxar mais”, confirma Miá Mello.

Os atores adoraram a oportunidade de trabalharem juntos novamente. “Miá é a dupla perfeita. Adoro fazê-la rir”, elogia Fábio. A opinião de Miá é a mesma: “A minha parceria com Fábio é muito próspera. A gente gosta muito de trabalhar juntos e acho que temos uma química perfeita. E isso transparece na hora que as pessoas vão assistir. Realmente acreditam que somos um casal e com isso acabam se identificando ainda mais”, afirma a atriz. E Inez complementa: “Desde a primeira temporada da série, em 2012, tivemos todos, de imediato, uma grande sintonia e empatia”.

Ficha Técnica:
Elenco: Fábio Porchat e Miá Mello
Texto: Tati Bernardi
Direção: Inez Viana
Direção Musical e Trilhas: Marcelo Alonso Neves
Iluminação: Tomás Ribas
Cenografia: Aurora dos Campos
Figurinos: Juli Videla
Arte e design: Marcos Guimarães
Produção Executiva: Ricardo Almeida (Rick)
Diretor de Produção: Sergio Sayd
Produção Local e Realização: Carambola Produções
Dia 14 de outubro 2017 (sábados)
Horário: 21h
Local: Teatro Castro Alves
Endereço: Campo Grande
Duração: 70 minutos
Quanto: Plateia A – P: R$120,00 (interia) e R$60,00(meia) / Plateia Q – Z3: R$100,00 (Inteira) e R$50,00 (meia) / Plateia Z4 – Z11: R$80,00 (inteira) e R$40,00 (meia)
Classificação: 14 anos
Informações: Carambola Produções – (71) 3341-4411


“Avesso”, vencedor do Prêmio Braskem 2016, em cartaz no Jorge Amado


Avesso é o espetáculo vencedor do Prêmio Brasken de Teatro 2016 na categoria Infanto-Juvenil, Avesso narra a história de uma cidade que foi dominada pelo medo, em que os moradores estão paralisados devido a força desse sentimento.

Cecília, por ter suas amígdalas calcificadas, não sofre com o impacto que o medo causa na cidade. Ela assume a difícil tarefa de derrotá-lo e salvar a todos, começando pelo seu pai e sua irmã que também foram vítimas do “vilão”.

No decorrer da história, a menina entra na cabeça do pai e da irmã, para descobrir seus verdadeiros medos e, junto com os amigos Ânimo e Esperança, tentar libertar sua família e toda a cidade do Medo.

Espetáculo Avesso

Quando:30 de setembro a 8 de outubro
Sábados e domingos às 16h

Onde: teatro Jorge Amado (Av. Manoel Dias da Silva, 2177 – Pituba)

Quanto:R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada)

Atenção:
No caso de compra de meia-entrada de estudantes, o acesso ao espetáculo só será possível através da apresentação da Carteira de Estudante, conforme a Lei Federal 12.933 de 2013.


“A Alma Imoral” volta em cartaz no Teatro Casa do Comércio


Um espetáculo assistido por mais de 400 mil espectadores durante dez anos ​consecutivos em cartaz “A Alma Imoral”. E para comemorar este tempo, volta a Salvador nos dias 29, 30 de setembro e 1º de outubro

A peça vem se apresentado com êxito para as mais variadas plateias – desde apresentações intimistas em pequenas salas até sessões ao ar livre para plateias com mais de mil pessoas, como na Virada Cultural de São Paulo, em 2012. O texto é uma adaptação de Clarice Niskier para o teatro, a partir do livro homônimo do rabino Nilton Bonder. A supervisão da montagem é de Amir Haddad.

Depois dos 14 meses iniciais no Rio, partiu para uma tournée nacional, ocupando 29 salas com diferentes capacidades e perfis, e obtendo sempre a mesma resposta calorosa do público. Belém, Recife (Festival do Recife), Brasília, Belo Horizonte, Divinópolis, Ouro Preto (Festival de Inverno de Ouro Preto e Mariana), Niterói, Angra dos Reis (Festival de Angra), Resende (Festival de Resende), Nova Iguaçu, Petrópolis (Festival de Inverno), Porto Alegre, Garça, Catanduva, São José dos Campos, Vitória (Festival de Vitória), Curitiba (Festival de Curitiba), São Paulo (Teatros Eva Herz, Augusta e Cultura Artística), Piraju, Americana, Lençóis Paulista, Botucatu, além do Rio de Janeiro, onde estreou e retornou em outubro de 2011, para o Teatro Leblon.

 

A peça fechou seu primeiro ano em cena com três indicações ao Prêmio Eletrobras de Teatro(melhor atriz, melhor peça e melhor figurino) e chegou ao segundo comduas indicações ao Prêmio Shell (melhor atriz e melhor figurino), tendo vencido na categoria de Melhor Atriz. Foi ainda contemplada em 2007 pelos Prêmios Caixa Cultural e Caravana Funarte de Circulação Nacional de Teatro, e em 2008 pelo Prêmio Qualidade Brasil de Melhor Atriz.

Sinopse da Peça – A peça desconstrói e reconstrói conceitos milenares da história da civilização – corpo e alma, certo e errado, traidor e traído, obediência e desobediência. Sozinha no palco, Clarice Niskier está em contato direto com a platéia, sem fazer uso da chamada “quarta parede”. Para contar histórias e parábolas da tradição judaica, a atriz vale-se somente de uma cadeira panton preta e um grandepano preto que, concebido pela figurinista Kika Lopes, transforma-se em oito diferentes vestes – mantos, vestidos, burcas, véus. O espaço cênico concebido por Luis Martins é limpo e remete a um longo corredor em perspectiva.

A Alma Imoral
Onde: Teatro Sesc Casa do Comércio
Quando: 29 e 30 de setembro, 1º de outubro (sexta, sábado e domingo)
Horário: 21h na sexta e no sábado e 20h no domingo
Quanto: R$ 80,00 (inteira) / R$ 40,00 (meia)
Vendas: bilheteria do teatro ou pelo site compreingressos.com
Informações: Carambola Produções – (71) 3341-4411
Mais de 400 mil espectadores já assistiram


Feira da Santana: Arte, esoterismo, poesia, música e dança


O 4º Baile Surrealista é uma edição especial que traz o relançamento do livro Arcos de Mercúrio – Antologia Poética do Tarô, série de poemas inspirados nos 22 Arcanos Maiores do Tarô reunidos em 170 páginas de bruxaria e lirismo numa homenagem à Pamela Colman Smith: artista plástica sensitiva, responsável pela criação das alegorias que se tornaram referência na concepção de muitos Baralhos de Tarô, mas que terminou a vida sem reconhecimento, tendo todos os seus bens (incluindo suas obras) vendidos em leilão para pagar dívidas.

Nosso evento é a releitura da festa francesa homônima que reuniu artistas e membros de sociedades secretas na década de 1970 e pretende discutir as relações entre Arte e Esoterismo através da Música, Dança, Artes Plásticas, Live Tattoo, Roda de conversa sobre Tarô e Poesia.

Acontece no dia 30 de Setembro, um sábado de Lua em Aquário no Teatro Arena do CUCA, mais uma oportunidade pra vocês conhecerem segredos dos bastidores da Existência nunca revelados em nossa cidade!

4º Baile Surrealista

Ingressos R$ 10
Podem ser comprados antecipadamente através do link:
https://goo.gl/SRnvYX
Quando:Sábado,30 de Setembro
Horário: das 17h às 23h
Onde: Centro Universitário de Cultura e Arte – Cuca
Endereço: Rua Conselheiro Franco, 44002-128
Cidade: Feira de Santana, Bahia