Nando Reis traz nova turnê “jardim-pomar”para a Concha Acústica


Nando Reis já iniciou sua nova turnê “jardim-pomar”, baseada em seu disco de inéditas lançando recentemente. A sequência de shows deve passar por todo o Brasil. No dia 7 de maio, será a vez de Salvador assistir à apresentação, na Concha Acústica.
No show, que tem a direção de Roger Velloso, o público poderá conferir as músicas do novo álbum “jardim-pomar”, como “Só Posso Dizer”, “Azul de Presunto”, “Pra Onde Foi”, “Inimitável”, entre outras. O cantor também não deixa de lado os grandes sucessos de sua carreira, como“Os Cegos do Castelo”, “Sou Dela”, “All Star”, “O Segundo Sol”, “Relicário” e “Marvin”.
A concepção do show foi toda montada, com muita simplicidade, para mostrar uma perspectiva completamente nova do cantor para o público. “Será um show muito pessoal que mostra além das músicas, muito das poesias do cantor. É um show para mostrar Nando Reis por inteiro”, conta Roger Velloso, diretor do show.
O espaço cênico foi montado com transparências que se sobrepõem, imagens em movimento e um projeto de luz que cria um jogo entre as imagens, as músicas e a plateia. Durante o show, o público poderá ouvir sons pré-gravados (conversas, vozes, sons mecânicos, rotina, cotidiano, passos, poemas e bastidores) que dialogam com a performance de Nando e sua banda.
A concepção e o roteiro do show são de Velloso e Nando Reis. Os responsáveis pela cenografia são Felipe Tassara e Daniela Thomas e quem assina o figurino do show é Alexandre Herchcovitch.
 Show Nando Reis – “jardim-pomar”
Local: Concha Acústica do Teatro Castro Alves
Tel Informações: (71) 3003-0595
Data: dia 07 de maio | domingo
Horário: Abertura da casa: 17h30 | Show: 19h
Preço: Plateia R$50 (meia) e R$100 (inteira) e Camarote R$100 (meia) e R$200 (inteira)
Vendas: Bilheterias do TCA, Sac’s Barra e Bela Vista e site www.ingressorapido.com.br
Classificação: 14 anos
Realização: Irís Produções
Fonte:


Olodum comemora 38º aniversário com oficinas, novos convênios e show


Bloco afro Olodum, com a sua banda de Samba Reggae faz 38 anos. Para comemorar, uma série de atividades acontecerá. Um desfile cívico da Escola Olodum, oficinas, roda de bate-papoassinatura de convênios com a Sepromi em prol do CDMO para a Memória Digital afro brasileira, especial da rádio Olodum FM e um cartão de crédito com a marca do Olodum, fazem partes das comemorações. E, como aniversário pede festa, está marcado para o dia 7 de maio um show na Praça Tereza Batista com convidados. O Olodum nasceu em 25 de abril de 1979.

 

No dia que foi formado o bloco, 25 de abril,  vai ter tambores do Olodum  nas ruas do Pelourinho. Às 14 horas acontece o ato de Assinatura do Convênio Centro Digital de Documentação e Memória Olodum – CDMO com a Sepromi. Às 14h30 acontece o Rufar dos Tambores e às 14h40 terá o desfile cívico até a Casa do Olodum.

No dia 27 acontece oficina/palestra de formação de lideranças com a professora Carla Pita e os alunos que passaram pela escola do Olodum e hoje são formadores de opinião. Para quem gosta de festa, dia 7 de maio, na Praça Tereza Batista será celebrado o aniversário. A partir das 14 horas acontece a Festa Kwanzaa* com a Banda Reggae Olodum e convidados.

Festa Kwanzaa

Bloco Afro Olodum Comemora 38º aniversário

Atrações: Banda Olodum e Convidados

Dia: 7 de maio (domingo)

Horário: a partir das 14 horas

Onde: Praça Tereza Batista

Endereço: Rua Gregório de Matos, 6 – Pelourinho,

Censura 16 anos

Ingresso: R$​50​,00 (meia)

Vendas no local

Informações: 71 3321 – 4154


Jó Miranda lança CD “Olha o Balanço”, na Cubanakan


Para lançar seu mais novo CD “Olha o Balanço”, o cantor, compositor e sanfoneiro Jó Miranda preparou uma edição especial do projeto Forró do Talco: serão quatro horas de festa com dois shows completos. Além do anfitrião, quem se apresenta é a banda Os Cangaceiros, que vem diretamente da região sul do estado e já conta com um público cativo em Salvador. A maratona de forró acontece no dia 30, domingo, na Cubanakan, com abertura dos portões às 19h30.

“É difícil expressar a felicidade em lançar mais um álbum e esse tem um gosto diferente porque traz onze músicas autorais, além três composições que recebi de presente das pessoas que me acompanham desde o início da carreira.  Agora só espero e desejo que cada uma das pessoas que ouvirem o disco sejam felizes assim como eu estou”, declara Jó Miranda.

Thiago Lacerda, cantor e trianguleiro de Os Cangaceiros, um dos grupos responsáveis por fortalecer o forró tradicional no Brasil e no circuito europeu, já está na contagem regressiva para o show. “É muito bom retornar à Salvador porque é um lugar onde temos muitos amigos e somos muito bem recebidos. É um prazer fazer parte desse lançamento porque nós somos fãs do trabalho de Jó e a nossa relação já não e só de trabalho, mas de amizade”, comenta.

 

 

FORRÓ DO TALCO

DATA: 30 DE ABRIL

HORÁRIO: A PARTIR DAS 19H30

LOCAL: CUBANAKAN

ENDEREÇO: Avenida Otávio Mangabeira, 3185 – Jardim de Alah

ATRAÇÕES: JÓ MIRANDA E OS CANGACEIROS

COUVERT: R$ 25,00 no dia do evento. Nomes enviados para a lista no e-mail [email protected] pagam R$ 20,00 e ganham um CD.

MAIS INFORMAÇÕES: (71) 99602-5361/3012-8147


Samba das Rosas Coletivo Feminino faz tributo à Clara Nunes


Neste domingo (23) tem muito samba no Cine Teatro Solar Boa Vista em Brotas! O Samba das Rosas Coletivo Feminino se apresenta em show de tributo à Clara Nunes, grande sambista brasileira. Este evento, que tem direção musical de Gabriel Povoas, está concorrendo ao Prêmio Caymmi de Música. A entrada é R$20 (inteira) e R$10 (meia).

Dia: 23 de abril (domingo)

Horário: 18h ( pontualmente )

Local: Cine Teatro Solar Boa Vista-Engenho Velho de Brotas

Tel.: (71) 3116 2000

Ingressos Antecipados: R$ 10  Ingressos no Dia: R$ 20

Classificação Livre.

Direção: Gabriel Povoas

 

 

 


Festa de São Jorge em Salvador


Foto oquefazernabahia.com

No dia de São Jorge (23), em Salvador será realizado tríduo preparatório (de 20 a 22 de abril) tanto na paróquia dedicada ao santo, que fica localizada no bairro do Jardim Cruzeiro, como também na Catedral Basílica Primacial São Salvador, Terreiro de Jesus.

Na paróquia, cada noite será abordado um tema: “São Jorge: Testemunho de Esperança” (1ª noite), “São Jorge: Testemunho de Caridade” (2º dia) e “São Jorge: Testemunho de amor” (3º dia). Na data dedicada a São Jorge (23) a programação conta com uma alvorada às 5h, seguida de missas às 8h e às 13h, ambas presididas pelo pároco, padre Clóvis Souza Santos. A partir das 16h haverá uma caminhada saindo do Largo de Roma e seguindo em direção à matriz da paróquia São Jorge, encerrando com a bênção com o Santíssimo Sacramento. Para encerrar os festejos, o bispo auxiliar Dom Gilson Andrade da Silva presidirá a Missa Solene, às 19h.

Na Catedral Basílica, o tema este ano é “São Jorge, como a Virgem Maria, nos ensina a viver com fidelidade o nosso SIM a Deus”. Os respectivos dias serão dedicados aos seguintes temas:

1° Dia- Com o testemunho de S. Jorge dizer “Sim” a Deus nos faz comprometidos com toda a criação.

Pregador: Dom Marco Eugênio Galrão Leite de Almeida.

Homenageados: Paróquia de São Jorge, Paróquias da Forania 1, Sociedade Protetora dos Desvalidos, Monte Pio dos Artistas, Entidades do Centro Histórico de Salvador.

2° Dia- Com as armas de S. Jorge dizer “Sim” a Deus nos faz romper com o pecado.
Pregador: Pe. Narciso Dias do Espírito Santo.
Homenageados: Movimentos e Pastorais da Arquidiocese.

3° Dia- Com o ensinamento de S. Jorge dizer “Sim” a Deus nos impulsiona a anunciar a Boa Nova.
Pregador: Frei José Jorge Rocha.
Homenageados: Comunidade Franciscana, Ordens Terceiras, Irmandades, Devoções e Comerciantes do Centro Histórico.

Solenidade: 23 de abril:

05:30 Alvorada com fogos e repiques de sinos.

06:00 Ofício da Imaculada.

07:00 Oração do Terço de São Jorge.

07:30 Café Comunitário.

09:00 Adoração ao Santíssimo Sacramento.

10:00 Procissão.

11:00 Missa Solene presidida pelo Cônego Lázaro Silva Muniz.

São Jorge

Nascido por volta do século III, na Capadócia, região que atualmente pertence à Turquia, e filho de pais cristãos, Jorge aprendeu ainda na infância a ser obediente a Deus e a crer em Jesus Cristo como o seu único Salvador. Após a morte do pai, mudou-se para a Palestina com sua mãe, onde foi promovido a capitão do exército romano devido a sua dedicação e, aos 23 anos, já exercia altas funções na corte imperial.

Na época, o imperador Diocleciano planejava mandar matar todos os cristãos e, no dia em que o senado confirmaria o decreto imperial, Jorge declarou-se espantado com a decisão e passou a afirmar que os ídolos adorados nos templos pagãos eram falsos deuses, e defendeu somente a fé em Jesus Cristo. Ao ouvi-lo, o imperador mandou torturá-lo até que ele negasse a fé em Jesus, entretanto Jorge continuou firme como servo de Deus e não fez o que o imperador queria. Insatisfeito com a postura de Jorge, Diocleciano mandou degolá-lo no dia 23 de abril de 303. (Fonte: Ascom da Arquidiocese de São Salvador da Bahia)