Novo show da Palavra Cantada em Salvador


Foto divulgação

O lançamento oficial deste novo show vai ser em Salvador, na Concha Acústica do Teatro Castro Alves. Dia 1º de outubro, a partir das 17 horas, Sandra Peres e Paulo Tatit  da Palavra Cantada estreiam Bafafá, um mix das novidades musicais da dupla e antigos sucessos.

A banda PUMM – Por um Mundo Melhor, faz o show de abertura, pelo projeto Janela Baiana. Os ingressos já estão à venda e podem ser adquiridos na bilheteria do TCA, no SAC dos Shoppings Barra e Bela Vista e na plataforma on line Ingresso Rápido. A arquibancada custa R$ 80,00 e o camarote R$ 160,00 – valor de inteira do primeiro lote. No segundo lote, o público vai pagar R$ 100,00 (arquibancada) e R$ 200,00 (camarote). O show é uma realização da Gabiroba Cultural e da Trevo Produções.

Preparar um novo trabalho é sempre um dilema para Sandra Peres e Paulo Tatit. Com 23 anos dedicados ao universo infantil e vários sucessos emplacados nesta trajetória, a dupla se vê em apuros quando inicia um novo projeto. Isso porque o público quer as velhas canções e os artistas querem mostrar suas novas produções. Assim surgiu Bafafá, com a proposta de mostrar as duas faces: as novas canções, muitas delas bombadas no Youtube, e as canções de sucesso.

Dentre as novidades, o público poderá ouvir “Cuida Com Cuidado”, canção que coloca o filhote do Homem como o mais carente de cuidados entre todos os seres do mundo; “Passeio do Bebê”, continuação do já sucesso “Eu Sou Um Bebezinho”; “Tartaruga e Lobo”, canção-fábula entre a esperta tartaruga e o lobo não tão esperto; “Alienígenas”, canção em que Pauleco e Sandreca recebem a visita de ETs; “Vai e Vem das Estações”, uma linda música sobre as estações do ano, e ainda o “Sambinha da Fralda Molhada”, música feita sob encomenda de uma mãe através do canal Youtube. E para agradar os papais e as mamães que querem ver e ouvir a dupla cantando os antigos sucessos, serão apresentados dois pout pourri para fazer a plateia sacolejar para valer! Vai ser o maior BAFAFÁ!

Palavra Cantada
Paulo Tatit: violão e voz
Sandra Peres: teclado e voz

MÚSICOS:
Daniel Ayres: contra baixo
Julia Pittier: percussão e voz
Michele Abu: Bateria

Sandra Peres – Musicista formada pela Faculdade de Música do Conservatório Dramático e Musical de São Paulo. Fez o curso de Análise de Composição Contemporânea no IRCAM, em Paris.

Paulo Tatit – Arquiteto de formação e músico autodidata, participou como principal arranjador do Grupo Rumo, destaque da vanguarda musical paulistana na década de 1980. Trabalhou como músico e parceiro do compositor Arnaldo Antunes nos anos 1990.
Palavra Cantada – Sandra Peres e Paulo Tatit
Data: 1º de outubro (domingo)

Horário: 17 horas
Show de Abertura: PUMM – Por Um Mundo Melhor
Horário: 17 horas
Classificação: Livre
Local: Concha Acústica do Teatro Castro Alves
Ingressos Primeiro Lote: R$ 80,00 arquibancada / R$ 160,00 camarote – inteira

Ingressos Segundo Lote: R$ 100,00 arquibancada / R$ 200,00 camarote – inteira
Vendas: Bilheteria do TCA, SAC dos Shoppings Barra e Bela Vista e Ingresso Rápido: www.ingressorapido.com.br
Realização: Gabiroba Cultural e Trevo Produções


Arte, cultura, gastronomia e música no Festival Tempero Bahia

Agende os dias 16 e 17 de setembro para visitar o Passeio Público!  Muita comida saborosa preparada por chefs dos 25 restaurantes que participam do evento gastronômico ao ar livre com música instrumental excelente da Orquestra Paulistana de Viola Caipira, do maestro Fred Dantas, da Terra Brasilis e da Viola de Arame. E ainda tem artesanato e produtos da terra.


Orquestra Paulistana de Viola Caipira

A primeira edição do Festival Tempero Bahia  também agrega arte, cultura e música, tendo como cenário o belo Passeio Público do Palácio da Aclamação – antiga residência dos governantes baianos. O Festival Arte e Cultura se desdobra no projeto Música Instrumental com Tempero, com o melhor da música instrumental brasileira, e o Mercado do Passeio, que funcionará dias 16 e 17 de setembro, das 11h às 20h, oferecendo artesanato, produtos da terra e comidinhas da Bahia.

Quem abre a programação musical no primeiro fim de semana do evento gastronômico é a Orquestra Paulistana de Viola Caipira, que se apresenta no sábado, 16, às 17h, com direito a apreciar o pôr do sol. A orquestra será regida pelo maestro Rui Torneze, que valoriza a difusão e a divulgação da música caipira no cenário nacional. Na sequência, às 18h30, é a vez da CPI – Choros e Populares Instrumentais, com a presença de músicos da banda Terra Brasilis, que apresentam um repertório onde entram chorinho, baião, samba e frevo, entre outros ritmos.

Viola de Arame em foto divulgação de Foto Maira do Amaral

No domingo, 17, às 16h30, quem abre a tarde musical é o Maestro Fred Dantas, acompanhado de Davi Brito no trompete, Estevam Dantas no teclado, Reinam Proença no contrabaixo e Lucas Paulo na bateria. Às 18h, o grupo Viola de Arame é quem finaliza a programação, valorizando o mais antigo instrumento de cordas brasileiro, a “viola caipira” ou “viola de arame”.

Tempero Bahia – Tendo como tema ‘Baía de Todos os Santos – da carne de fumeiro aos frutos do mar’ –, o Tempero Bahia fará de Salvador a capital gastronômica do país, de 14 a 24 de setembro. Nesta sua primeira edição, o Festival firma parceria com a Associação dos Restaurantes da Boa Lembrança, que neste período realizará o XXII Congresso ARBL, trazendo à cidade mais de 50 chefs. O Tempero Bahia contará com 25 restaurantes, de Itapuã até o Centro Histórico, promovendo a culinária, com a participação de chefs de Salvador e de outros estados. O evento – uma extensão do consagrado Tempero no Forte, que acontece há 11 anos na Praia do Forte –, é realizado pelo Ministério da Cultura, através da Lei Rouanet, com o patrocínio da Cielo e apoio do Governo do Estado da Bahia, por meio da Secom, Setur, Secult e IPAC.


Casa Cor será aberta na Barra em setembro


A maior e mais completa mostra de arquitetura, design de interiores e paisagismo das Américas, a Casa Cor, neste ano acontecerá em Salvador no casarão histórico da Barra, construído na metade do século XX, na Avenida Marques de Leão, no charmoso bairro da Barra, de 20 de setembro a 29 de outubro.

Os franqueados da  Casa Cor Bahia 2017 Luisinha, Chico e Alexandre Brandão asseguram que o evento terá muitas novidades e o formato da edição baiana será para um salão lotado com a participação de arquitetos, fornecedores e parceiros, adiantando que serão mais de 50 profissionais confirmados em 37 ambientes na 22ª Casa Cor Bahia.

Casarão localizado na Marques de Leão, Barra. Foto Alô Alô Correio

Sobre a Casa Cor

Pertencente ao Grupo Abril, a Casa Cor reconhecida como a maior e melhor mostra de arquitetura, design de interiores e paisagismo das Américas. O evento reúne, anualmente, renomados arquitetos, decoradores e paisagistas e em 2017 chega à sua 31ª edição em São Paulo, com 20 praças nacionais (Alagoas, Bahia, Brasília, Ceará, Espírito Santo, Franca, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina), e mais seis internacionais (Miami, Bolívia, Chile, Equador, Paraguai e Peru).


Confraria da Música na abertura do show de Zezé di Camargo e Luciano


O show que a dupla Zezé di Camargo e Luciano vai fazer na Arena Fonte Nova no próximo dia 30 de setembro já tem mais uma atração confirmada. A Confraria da Música sobe ao palco para o show de abertura do evento.

A “Confraria da Música” é um movimento musical idealizado pelos cantores e compositores Alex Góes, Alvaro Pinho, Eva Cavalcante e Rafa Chaves que, paralelamente as suas carreiras, compõem o front deste espetáculo musical. Uma banda base de 4 músicos acompanha a turma, que se reveza nos solos e vocais harmoniosos.

O repertório é composto por hits de grandes artistas como Tribalistas, Bob Marley, Djavan, Caetano Veloso, Elton John e Lulu Santos, pontuado por canções próprias, de cada um deles, além de músicas compostas pelos quatro, especialmente para o projeto.

A abertura dos portões está marcada para as 19h30 e a apresentação da Confraria da Música começa às 21h. Os dois filhos de Francisco sobem ao palco às 23h, com o repertório da nova turnê “Um encontro marcado pelo destino’’, que reúne os clássicos da dupla, além do novo single “Destino”, que já está disponível nas plataformas digitais.

Ingressos
Os ingressos já estão à venda nas lojas TicketMix dos shoppings Barra, Salvador e Shopping da Bahia. Os preços variam de R$ 80 (pista) e R$ 140 (frontstage), com pagamento em dinheiro e cartões. O evento é uma parceria da 2GB Entretenimento e da Arena Fonte Nova, consolidando o espaço como palco de eventos multiuso em Salvador.

Sobre a Confraria da Música
O projeto nasceu na Bahia, numa reunião descontraída desses amigos entre os festejos do final de ano, em 2010. Com a intenção de trocar informação musical e obviamente, fazer o que mais gostam. Esses artistas se uniram visando exercitar a música no universo coletivo.

O que era uma reunião despretensiosa acabou caindo no gosto público, da mídia e de toda a classe artística da cidade. A Confraria virou o “xodó” das redes sociais, tendo a hashtag #ConfrariaDaMúsica muito citada.

Apelidada de #ATerçaMaisMusicalDaCidade, também nas redes sociais, a Confraria já participou de vários programas em rádios, Tvs e também concedeu entrevistas a veículos escritos da imprensa.

Nesses quase 6 anos de existência, a Confraria da Música, já dividiu o palco e teve como convidados artistas como: Margareth Menezes, Netinho, Tomate, Márcio Victor (Psirico), Mariano (Dupla Munhoz e Mariano), Alinne Rosa, Tiago Abravanel, entre muitos outros.


Bandas ExoEsqueleto e Jack Doido na terceira Incubadora Sonora 2017


ExoEsqueleto em foto divulgação de Denisse Salazar

O som rocker e autoral das duas bandas marcam o terceiro show da Incubadora Sonora ano 2017, que ao longo de um mês trabalhou a capacitação profissional de nove bandas selecionadas. O evento acontece dia 15 de julho (sábado), às 22h, no Portela Café, custa R$ 5,00 e conta ainda com a participação do anfitrião de todas as edições e idealizador do projeto, o músico Irmão Carlos.

No repertório do show cada banda apresenta as peculiaridades de sua música autoral, o que reflete o foco do projeto em fortalecer o cenário da música independente na cidade de Salvador. A ExoEsqueleto apresenta um show com nuances de experimentalismo e poesia, regadas à mistura de stoner rock, ritmos latinos, música negra e power blues.

Já a Jack Doido leva um repertório com músicas sempre diretas ao ponto, letras simples, arranjos marcantes e a pitada do grunge e do rock dos anos 90. E ainda tem o músico e idealizador do Incubadora Sonora, Irmão Carlos, apresentado o seu novo disco com um repertório dançante que mistura black music, música eletrônica e blues.

Durante o período de incubação foram realizadas oficinas de gravação, produção, fotografia, comunicação e cenografia, além da produção de um ensaio fotográfico e da gravação em estúdio de duas músicas autorais para cada banda. O projeto prevê ainda mais um show em agosto com as demais bandas que integraram a Incubadora Sonora neste ano. O projeto Incubadora Sonora tem coordenação geral de Lindomar Luís, que junto com Irmão Carlos teve a ideia do projeto. A incubadora tem apoio do Governo do Estado da Bahia através da Secretaria de Cultura com recursos do Fundo de Cultura da Bahia, pelo edital 16/2016 – Setorial de Economia Criativa 2016.

3ª Edição do Projeto Incubadora Sonora
Shows: ExoEsqueleto, Jack Doido e Irmão Carlos,
Quando: 15 de julho (Sábado), 22h
Onde: Portela Café (Rua Itabuna, 304 – Rio Vermelho)
Quanto: R$ 5,00