Turismo com o metrô em Salvador

Modal conecta diversos pontos da cidade com rapidez e segurança A Bahia é um dos principais destinos turísticos do Brasil. Somente neste verão, a expectativa …




Crescimento do turismo baiano volta a superar média nacional


Foto: Tatiana Azeviche / Setur-BA

As atividades turísticas baianas seguem em ritmo de crescimento, no período pós-pandemia da Covid-19. Pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) aponta que, de janeiro a novembro de 2023, o setor cresceu 7,5%, no país, enquanto, na Bahia, o aumento foi de 12,6%.

O resultado reflete o levantamento feito pela Secretaria de Turismo do Estado (Setur-BA), que também registra números positivos, comparando os dois últimos anos. Em 2022, os principais aeroportos baianos tiveram o movimento de 8,7 milhões de passageiros; em 2023, foram 9,5 milhões de viajantes. Destaque para os voos internacionais, que tiveram um incremento de 36%, com a abertura de novas linhas da Europa e da América Latina. A taxa de permanência dos turistas em território baiano, que era de 5,7 dias, em 2022, subiu para 6,4 dias, no ano seguinte.

Nas praças de pedágios das rodovias baianas houve aumento também no movimento. Em 2022, 6,7 milhões de veículos foram registrados; em 2023, o número chegou a 7 milhões. Levando em conta somente a ocupação da rede hoteleira em Salvador, a taxa subiu de 59,2% para 63,8%, no comparativo do período.

Outro dado importante se refere à recuperação dos postos de trabalho perdidos no turismo baiano, durante a pandemia. Em 2020, 19 mil trabalhadores perderam seus empregos. De janeiro de 2021 a novembro de 2023, foram abertas mais de 30 mil vagas de trabalho em atividades turísticas desenvolvidas na Bahia.

Para o titular da Setur-BA, Maurício Bacelar, os números são o resultado da política de expansão do turismo, conduzida pelo Governo do Estado, em parceria com o Governo Federal, os municípios, o empresariado, entidades profissionais e organizações sociais. “O Estado compartilha os avanços no turismo com todos os agentes que atuam no setor, responsável pela geração de riquezas e empregos imediatos.

Temos posições de liderança na atração de turistas nacionais e crescemos na conquista de mais visitantes estrangeiros, tendência que deve se manter, em função do trabalho contínuo na prospecção de novos voos internacionais, uma parceria entre o governo, as companhias aéreas e o aeroporto de Salvador”.


Costa do Sauípe prepara Carnaval “Ziriguidum”


Fotos: Divulgação

O Carnaval do Brasil se encontrará na Bahia dentro da programação do Movimentaê, em Costa do Sauípe, que pertence à Aviva, plataforma de entretenimento também detentora do Rio Quente Resorts e Hot Park, ambos em Goiás. Misturando dança, esporte e bem-estar para seus hóspedes, de fevereiro a abril de 2024, o destino baiano será ideal para quem quer fugir um pouco da movimentação intensa das principais festas populares do país, sem deixar de aproveitar o clima de folia, com conforto e comodidade.

Por isso, dentro da programação acontece o Ziriguidum, que trará ao Litoral Norte do estado um pouco de Samba, Frevo e, claro, Axé, contagiando cada canto do complexo turístico com a alegria da festa, do receptivo às atividades diárias espalhadas pelas instalações.

No clima do Carnaval, terá shows temáticos no Teatro da Vila, customização de abadás, Matinê da Turminha da Zooeira, oficinas diversas, como de capoeira e de máscaras, e noites com música ao vivo no Coreto da Vila. Os clientes fidelizados do Clube de Férias da Aviva terão acesso a um ambiente exclusivo, que funcionará como um camarote, para oferecer ainda mais conforto.

À noite, uma viagem cultural por diferentes culturas do Brasil espera os hóspedes, que podem assistir espetáculos de dança com temas como “Eu sou o Samba”, “Energia Baiana” e “Forrózuando”, e de teatro, como “Sítio do Pica Pau Amarelo” e “Casamento da Bela”.

No Circuito Carnavalesco, a alegria dos blocos de rua será reproduzida, saindo do Premium Sol em direção ao coqueiral do Grand Premium Brisa, onde um palco será montado para shows todos os dias à tarde, de 12 a 17 de fevereiro, para quem escolhe o destino para o pós-Carnaval.

Costa do Sauípe ainda conta com a Vila Nova da Praia, espaço temático que remete ao centro de cidades do interior, onde ficam três restaurantes temáticos – Baêa, Benditos Frutos e La Villa; a Quermesse da Vila, com roda gigante, carrossel e Vila Assombrada; a Orla da Praia, calçadão que percorre as três praias do destino; e a Toca da Zooeira, um dos maiores espaços kids da América do Sul.

Para hospedagem, são quatro opções para atender diferentes perfis de clientes, todas all-inclusive – Grand Premium Brisa e Premium Sol em categorias superiores e Ala Terra e Ala Mar na categoria Sauípe Resorts. A partir de fevereiro, o Premium Sol fechará para um retrofit completo em sua estrutura, com previsão de reabertura para o final do ano de 2024. Para quem quiser curtir o Carnaval em Salvador algum dia, há a possibilidade de Transfer de ida e volta, pago à parte.

Serviço:

Os pacotes de Carnaval, com 5% off para compras via Pix, parcelamento em até 18 vezes sem juros, para o período de 10 a 14 de fevereiro, já podem ser reservados em www.costadosauipe.com.br/lp/carnaval.


2ª etapa do Festival Praia do Forte com Dendê


Foto/Divulgação

A bem-sucedida conclusão da primeira fase do Festival Praia do Forte com Dendê – Arte e Cultura, ocorrida no último fim de semana, foi marcada por um Castelo Garcia Dávila lotado de entusiastas que celebraram a riqueza cultural e gastronômica da Bahia. O público desfrutou de apresentações de renomados artistas baianos, como Luiz Caldas, Marcia Freire e Filhos de Jorge.

Para continuar a celebração, nesta sexta-feira (19/01) e sábado (20/01), o evento prossegue conforme sua programação gratuita, oferecendo oportunidades para explorar novos sabores, apreciar a cultura local e celebrar a diversidade regional. No dia 19, será realizado no Projeto Baleia Jubarte, o evento Brasas com Dendê com shows da Banda Monarka e DJ Cipa. No dia 20, o Projeto Tamar será palco da Oficina Sabores da Terra, com direito a Cozinha Show e apresentação  de Santts com seu som que une o  Pop, Soul, Rhythm and Blues, Reggae e a riqueza da música brasileira.

Foto: Rone Bravo/ Divulgação

Em comemoração aos 473 anos da Primeira Edificação Portuguesa no Brasil – A Casa da Torre de Garcia D’Ávila, o Circuito Gastronômico na Vila de Praia do Forte está em andamento até o dia 24 de fevereiro. Neste evento, 26 restaurantes locais estão participando, recebendo o público e apresentando pratos exclusivos, menus e receitas especiais.

Denominado “Concurso Terra e Mar”, o objetivo é promover a gastronomia local, estimular a criatividade dos participantes e, conforme critérios estabelecidos, selecionar os pratos que melhor expressam as características dos sabores e cores da culinária baiana. O concurso leva em consideração os ingredientes, iguarias e a rica cultura que permeia a diversidade local.

Foto: Rone Bravo/ Divulgação

O Festival Praia do Forte com Dendê tem apoio da Prefeitura de Mata de São João e Instituto Costa Pinto, com patrocínio da Coca-Cola, Eisenbahn, Paramana, Link Pj e e Governo da Bahia, através do FazCultura, Secretaria de Cultura e Secretaria da Fazenda. A Curadoria e Produção são assinadas por Thaise Costa Pinto e a Direção musical é de André Leão.

PROGRAMAÇÃO DO FESTIVAL

·         19/01  Evento Brasas com Dendê, no Projeto Baleia Jubarte, com show da banda Monarka e DJ Cipa  – Gratuito

·         20/01  Oficina Sabores da Terra com Aula de Gastronomia (Cozinha Show),  Exposição de Artes no Projeto Tamar e Show de Santts –  Gratuito

·         11/01 a 24/02  Concurso Terra e Mar nos restaurantes da villa


Voo direto de Buenos Aires para Porto Seguro aquece turismo na Costa do Descobrimento


Foto: Ana Paula Cabral/Setur-BA

Um dos destinos mais procurados na Bahia, Porto Seguro, considerado a capital da zona turística Costa do Descobrimento, voltou a receber o voo direto de Buenos Aires. A rota da Gol Linhas Aéreas é feita em aeronave Boeing 737, com capacidade para 176 passageiros, partindo do aeroporto de Ezeiza, na capital portenha, todos os sábados.

Os  argentinos desembarcaram animados e tiveram receptivo da Secretaria de Turismo do Estado (Setur-BA), com baiana típica e fitinhas do Senhor do Bonfim.  “Vamos ficar 15 dias em Porto Seguro e estamos entusiasmados para conhecer todas as praias que conseguirmos, além da parte histórica. Nos disseram que este é um lugar muito bonito, de boa comida e gente hospitaleira”, relatou a moradora de Buenos Aires, Celeste Ferreiro, que veio com o filho adolescente.

“O voo foi fantástico. Somos um grupo de sete amigos e vamos passar uma semana aqui. Com certeza, nos divertiremos muito, desfrutando das belezas naturais e da alegria do povo da Bahia”, completou o argentino Diego Valiente.

“A Argentina é o principal mercado emissor de turistas estrangeiros para a Bahia. Estamos felizes com o retorno do voo para Porto Seguro, que foi interrompido durante a pandemia. Ele é resultado da nossa contínua atuação para ampliar a malha aérea baiana, em parceria com as empresas de aviação, os municípios e aeroportos”, comemorou o titular da Setur-BA, Maurício Bacelar.

Segundo a Prefeitura de Porto Seguro, entre dezembro e janeiro, estão previstos 260 mil desembarques no aeroporto da cidade. Os turistas nacionais chegam das regiões sul, sudeste e centro-oeste, enquanto os estrangeiros são na maior parte argentinos, paraguaios, uruguaios e norte-americanos. O Centro Histórico, a Passarela da Cultura e as praias de Arraial d’Ajuda, Trancoso e Caraíva são alguns dos diversos atrativos do destino, que também oferece rede hoteleira e gastronomia qualificadas.

“Temos feito um forte trabalho de promoção, potencializamos os nossos equipamentos turísticos e investimos em novos segmentos, em uma caminhada junto com o Governo do Estado e o trade regional”, explicou o vice-prefeito e secretário de Turismo de Porto Seguro, Paulinho Toa Toa.


Paulo Afonso recebe ações do projeto “Avança Turismo Bahia”


Fotos: Divulgação/Setur-BA

O município de Paulo Afonso, considerado a capital da zona turística Lagos e Cânions do São Francisco, foi alvo do projeto “Avança Turismo Bahia”, que realiza ações estruturantes, com foco no incremento das atividades nas 13 zonas que movimentam o setor. O projeto é desenvolvido pela Secretaria de Turismo do Estado (Setur-BA).

No destino, uma equipe do órgão realizou visitas técnicas, fez o levantamento da oferta e controle de qualidade da rede hoteleira, ofereceu capacitação da mão de obra e o cadastramento no sistema nacional de prestadores de serviços turísticos (Cadastur), além de reuniões com o trade regional.

“Iniciamos o projeto em Salvador, na zona turística Baía de Todos-os-Santos. Depois, estivemos em Iguaí, nos Caminhos do Sudoeste. Agora, chegamos em Paulo Afonso, nos Lagos e Cânions do São Francisco. O objetivo é entender o atual status de desenvolvimento do turismo, em cada região, e qual a competência do Governo do Estado nesse processo de construção. A proposta é percorrer todas as 13 zonas do mapa do turismo baiano”,  explicou a superintendente de Promoção e Serviços da Setur-BA, Fabíola Mandarine.

O secretário de Turismo, Indústria e Comércio de Paulo Afonso, Nino Rangel, falou sobre a importância da presença da Setur-BA na cidade. “Diversas ações foram realizadas pela equipe que veio de Salvador, no sentido de analisar a estrutura turística do nosso município e os investimentos que precisam ser feitos. Vamos trabalhar em conjunto e levantar o que precisa ser feito para que Paulo Afonso seja fortalecido como destino turístico”.

A agente de viagens Joselma Rodrigues destacou as potencialidades turísticas da região banhada pelo Velho Chico, que podem ser mais exploradas. “Temos o turismo náutico nos cânions do rio, trilhas ecológicas e as usinas hidrelétricas, um marco na engenharia nacional, além da emblemática história do cangaço, que projetou o sertão baiano, e a rica gastronomia regional”.

Cidade à margem do São Francisco

Em pleno sertão baiano, a 460 km de Salvador,  Paulo Afonso está localizada à margem do São Francisco e faz divisa com os estados de Pernambuco, Alagoas e Sergipe. A região tem belas paisagens e muita água, sendo um dos grandes atrativos da cidade as formações rochosas do cânion do Rio São Francisco, o Velho Chico – considerado o maior cânion navegável do mundo.

O clima semi-árido e vegetação da caatinga por quase toda a área faz o diferencial da região que é ótima para quem gosta de ecoturismo. Tanto baianos como turistas não podem deixar de apreciar os cânions que compõem um cenário de beleza. Com paredões rochosos que serram as águas do Velho Chico, os cânions formam um vale cuja profundidade varia entre 30 e 170 metros e encostas que parecem ser esculpidas a mão, repleta de detalhes.

Lá em Paulo Afonso se encontra o maior complexo de usinas hidrelétricas subterrâneas do mundo, administrado pela Chesf, parque que possui águas que, além de energia, geram cultura, folclore, lendas que correm por trilhas e cavernas que são importantes para a atividade turística.

Outros pontos turísticos que podem ser explorados: a Serra do Umbuzeiro, a 20 km do centro, um lugar perfeito para um passeio que proporciona contato com a natureza e a vegetação típica do semi-árido. No ponto mais alto, o cruzeiro, de 536 metros de altura, é possível ter uma linda visão da cidade em 360º. A reserva ecológica e indígena do Raso da Catarina, região onde a vegetação se perde na imensidão, considerada uma das reservas mais antigas do mundo. Foi lá também onde o cangaceiro Virgulino (Lampião, líder do Cangaço) teria se refugiado com seu grupo depois de esconder armas e tesouros.

Para quem curte um passeio mais tranquilo e voltado para a história da cidade, não pode deixar de conhecer casa onde nasceu Maria Gomes de Oliveira, a Maria Bonita de Lampião. A casa virou um museu e tem toda sua estrutura arquitetônica da época mantida. Fica no povoado Malhada da Caiçara, zona rural do município, e faz parte do Roteiro Cânion e Cangaço.