Veja programação semanal da Nossa Vila

Montada temporariamente no heliponto do Clube Espanhol, em Ondina, Nossa Vila – vila gastronômica e com temática junina, idealizada pela Oquei Entretenimento – apresenta a …



Veja a programação musical da Nossa Vila

Montada temporariamente no heliponto do Clube Espanhol, em Ondina, Nossa Vila – vila gastronômica e com temática, idealizada pela Oquei Entretenimento – apresenta a programação …




Veja aqui onde comer os petiscos do Comida di Buteco 2021


Carmem do Escondinho

Após 4 adiamentos em função da pandemia, o concurso mais amado do Brasil voltou neste final de semana e vai até 29 de agosto: o Comida di Buteco, em sua 13ª edição em Salvador, pela primeira vez em sua história, com foco no delivery! Participarão 32 butecos, que desenvolveram receitas de petiscos com o tema: RAÍZES.

Todos os butecos participantes desenvolveram as receitas dos petiscos 2021 contendo uma ou mais raízes. São muitas opções de fácil acessibilidade e infinitas possibilidades de combinações. Batata, mandioquinha, beterraba, cenoura, são apenas alguns exemplos que aguçaram a criatividade dos cozinheiros e que vão despertar a curiosidade do público. E, continuando a tradição de oferecer petiscos a um preço justo e que permita experimentar as criações de butecos, os petiscos 2021 terão um preço fixo de R$ 27,00.

Bakkana’s Bar/Divulgação

Pensando na segurança, o concurso vai incentivar o consumo nos botecos participantes através do delivery, “para levar” e reserva de mesa, além do uso de máscaras e higienização de mãos e do ambiente com frequência. Os clientes podem fazer as reservas através do site www.comidadibuteco.com.br, que usa a plataforma TAGME, escolhe a cidade e pode consultar os cardápios digitais com QRCODE. Tudo isso tem o objetivo de controlar o fluxo de pessoas, garantindo assim mais segurança.

Com o objetivo de ajudar a gerar fluxo de caixa para os butecos participantes, de forma que eles possam se reerguer o concurso Comida di Buteco lançou a campanha Salve os Butecos, em que qualquer pessoa pode doar qualquer quantia. “Nossa meta é arrecadar R$ 3 milhões e dividir igualmente entre os butecos participantes do concurso. O acompanhamento das doações será através do “butecômetro” no site comidadibuteco.com.br”, comenta o coordenador do concurso para aregião Nordeste, Elmo Santos. A conta para doações é:

 

Abará da Vovó/Divulgação

Abará da Vovó 

Rua Direita do Santo Antônio, 18 – Cruz Pascoal – Santo Antônio – Salvador

(71) 3242-1380

Petisco: Africanidades

O petisco traz uma apresentação diversificada de raízes a partir do purê de inhame, farofa de farinha de mandioca com cenoura e salada vinagrete que acompanham uma paçoca de carne seca.

Bakkana´s Bar

Rua Boa Vista de Brotas, 09 – Engenho Velho de Brotas – Salvador

(71) 9 8129-1932

Petisco: O Patrão

Filé especial ao molho agridoce. Acompanha aipim cozido ao molho de queijo e cebola empanada.

Bar das Meninas

Rua Melvin Jones, 38, Armação – Salvador

(71) 3052-3002

Petisco: Pecado

Tortilha frita de batata doce recheada com pernil ao molho de cachaça, mel de maçã e queijo cheddar.

Bar Koisa Nossa (Os Internacionais)

Travessa Engenheiro Allioni, 1 – Mouraria – Salvador

(71) 3242-5412

Petisco: Raízes do Mar

Mix de lambreta, camarão, polvo, bacalhau, cenoura, batata, acompanhado com torrada de alho.

Bar Lagoa dos Frades

Travessa Arnaldo Lopes Silva, 940 – Stiep – Salvador

(71) 3271-3847

Petisco: Canto, sol e raiz

Carne de sol suína, servida com cenoura chips temperada e molho parmesão

Biritódramo Bar de Praia (1ª participação)

Rua Souza Uzel, 4. Federação – Salvador

(71) 9 9386-2601

Petisco: Batata Sertaneja

Batata canoa frita, coberta com requeijão, cheddar, carne seca desfiada, queijo coalho ralado e por último torresmo de bacon. Servido com molho tártaro.

Boteco da Resenha

Rua Orlando José Ribeiro, 21 – Águas Claras – Salvador

(71) 9 8711-5982

Karanguejo do Pascoal/Divulgação

Petisco: Boca de 4

Filé de merluza empanado servido com macaxeira frita

Boteco do Tomé (1ª participação)

Rua São José de Inema, s/n, São Tomé de Paripe
(71) 9 9977-4470

Petisco: Inhambará de Lagosta

Bolinho de inhame cozido na palha de bananeira com recheio de lagosta.

Cantina dos Artistas

Conjunto Recanto das Ilhas – Avenida Oceano Pacífico – BOX 4 – São Rafael – Salvador

(71) 99933-4842

Petisco: Abre-caminhos

Cacetinhos de aipim e batata-doce empanados e fritos, servido com cupim na chapa ao molho de ervas-frescas

Caranguejo do Pascoal

Rua Olhos D´Agua, 128 – Itapuã – Salvador

(71) 3249-4360

Petisco: Estrela de Davi

Mini-moqueca de abará do amendoim, servida com arroz de coco, pirão de mandioca do Pascoal e conserva de pimentas.

Casa de Carmem Av. Cerqueira Lima, 10. Beco dos Artistas – Campo Grande – Salvador

(71) 9 8232-6161

Petisco: Escondidinho do Antônio

Escondidinho de inhame com carne seca desfiada, calabresa e bacon. Acompanha cebola empanada com patê de alho.

Crisana

Av. Artêmio Castro Valente, 295, Espaço Comercial Paralela – Paralela Park – Salvador

(71) 3561-2361

Petisco: Não fuja de suas raízes

Carne suína especial servida com cebola e aipim. Acompanha palitos de mussarela, anéis de cebola empanados e molhos da casa.

Delícias do Mar

Av. Caminho de Areia, 263 – Caminho de Areia – Salvador

(71) 988-811-211

Petisco: Arraia do Delícias do Mar

Arraia empanada no alho poró servida com pirão de batata doce

Mocambinho/Divulgação

Força’s Bar

Rua Doutor Antônio Carlos, 54 – Capelinha de São Caetano – Salvador

(71) 3303-9648

Petisco: Mix de raízes

Lombo recheado com queijo e bacon servido com mix de raízes. Acompanha rodela de cebola empanada.

Linha´s Bar (1ª participação)

Vila São Roque, 212 – Campinas de Brotas, Salvador – BA

(71) 9 99962760

Petisco: Polvo ao pomodoro

Polvo servido ao molho pomodoro levemente picante. Acompanha chips de batata doce.

Lopandra

Rua José Pedreira, 41. Candeal – Salvador

(71) 3355-4575

Petisco: Travesseiros de fraldinha

Travesseiros cremosos de aipim com parmesão fritos cobertos com cream cheese, ragu de fraldinha, geleia de pimenta rubra e crocante de chips de batata doce.

Mar e Sol

Av. Engenheiro Oscar Pontes, s/ nº – Box B68 Nº 04 – Feira Nova de São Joaquim – Salvador

(71) 3314-7004

Petisco: Almondega sertaneja

Almôndega de carne de sertão acompanhada de creme de batata doce apimentada.

Mocambinho

Rua da Faísca, 12. Bairro 2 de Julho – Salvador

(71) 9 8871-5115

Petisco: Farofa do poeta

Filé de fumeiro com cebola roxa e manteiga de garrafa acompanhada de farofa d’água de beterraba com gengibre e vinagrete de abacaxi.

Navona Bar do Tonho

Rua Território do Rio Branco, 125 – Pituba – Salvador

(71) 9 9955-5751

Petisco: Meu querido

Costela de boi ao forno servida com batata rústica e farofa especial.

Nova Alegria

Avenida Jorge Amado, s/ n – Imbuí – Salvador

(71) 3232-2941

Petisco: Bacalhau na toca

Cebolas empanadas e recheadas com bacalhau

Nova Alegria/Divulgação

O Cervejeiro Bar

Rua Dr. Eduardo Dotto, 56 – Paripe – Salvador

(71) 9 8105-3349

Petisco: Batata cervejeira

Batata recheada com carne de sol desfiada e bacon. Acompanha molho reduzido ao vinho e cebola

Oxente Bar e Petiscaria (1ª participação)

Rua Alameda Uberaba, 445. Cabula – Salvador

(71) 9 9936-4943

Petisco: Casal Raiz

Refogado de alho poró com cebola caramelizada recheado com lombo defumado servido em forminhas fritas.

Panela de Barro

Rua Tamoio s/n – Plataforma – Conjunto Senhor do Bonfim – Salvador

(71) 3398-1663

Petisco: Metamorfose Ambulante

Carpaccio de beterraba com carne seca acebolada e queijo coalho maçaricado

Petiscaria Quintal de Casa (1ª participação)

Rua Cruz e Souza, 6 – Acupe de Brotas, Salvador

(71) 9 9211-0676

Petisco: Macaxeira imperial

Aipim empanado ao murro com sal e manteiga ao creme de camarão

Quintal Raso da Catarina

Avenida Sete de Setembro 1370 – Campo Grande

(71) 9 8842-0588

Petisco: Gororoba de raízes

Feijoada com 3 tipos de grãos (milho, feijão mulatinho e feijão branco) com carnes defumadas e raízes (aipim, batata inglesa, cenoura e batata doce).

R’Canto do Pascoal Rua Direita do Santo Antônio, 01. Santo Antônio / Cruz do Pascoal

(71) 3241-6664

Petisco: Divina moqueca

Moqueca de fato servida com creme de aipim e salada de rabanete, cenoura e nabo. Acompanha honey mustard e uma dose de licor de gengibre

Novona Bar do Tonho/Divulgação

Recanto do Moura

Rua Rezende de Jesus, 06. São Caetano

(71) 9 8826-6611

Petisco: De lamber os dedos

Filé mignon suíno marinado com especiarias, servido com purê de batata doce. Acompanha farofa de castanha, geleia de pimenta biquinho e chips de batata doce.

Recanto Encontro com o Mar

Rua Almeida Brandão, 14. Praia Grande (Paralela à Suburbana, próximo à empresa de ônibus Integra G1)

(71) 988-007-632

Petisco: Pivete doido

Purê de batata doce com camarão

Rita da Lambreta Avenida Dom Eugenio Sales, 60 – Boca do Rio – Salvador

(71) 3363-4116

Petisco: Bobó africano

Bobó de inhame com camarão

Sushili

Rua Alexandre Gusmão, 50 B – Rio Vermelho – Salvador

(71) 3013-2220

Petisco: Minha jangada

Pururuca de macarrão ao alho e cebola servido com salmão defumado acompanhado ao molho de raiz forte e gengibre.

Velho Espanha Bar e Cultura

Rua General Labatut, 38. Barris – Salvador

(71) 3043-7481

Petisco: Bacurau com molho doce resistência

Quadradinho de aipim cremoso com recheio
de carne seca e queijo coalho, com crosta de tapioca, ao molho de melaço e cebola.

Xique Xique

Rua Rockefeller, 2A – Barris – Salvador

(71) 3343-6098

Petisco: Porco arretado

Filé mignon suíno servido com creme de batata roxa com beterraba, acompanhado com molho de tamarindo.


Casa do Benin já está reaberta ao público


Foto Jefferson Peixoto/Secom

A Casa do Benin, um dos espaços culturais situados no Pelourinho e administrados pela Prefeitura, através da Gerência de Equipamentos Culturais da Fundação Gregório de Mattos (FGM), já está de portas abertas depois de um período fechada, por força da pandemia de Covid-19. As visitas podem ser feitas de terça a sexta-feira, das 10h às 16h, e devem ser agendadas pelo número (71) 3202-7890, ou e-mail casadobenin@ salvador. ba. gov. br ou, ainda, através do perfil @casadobenin no Instagram.Os agendamentos podem ser marcados individualmente ou para grupos, desde que não haja mais de 15 visitantes no equipamento cultural – limite adotado em função dos protocolos sanitários. As atividades no local também podem ser pautadas, desde que sejam devidamente respeitadas as medidas de saúde vigentes.

“Além de uma exposição permanente composta em sua maioria por peças trazidas por Pierre Verger da África, a Casa do Benin conta com a galeria Lina Bo Bardi para exposições temporárias, o auditório Gilberto Gil, o Espaço Gourmet Jeje-Nagô para eventos gastronômicos, sala multiuso e um terraço com vista para o Centro Histórico”, descreveu o gerente de equipamentos culturais da FGM, Chicco Assis.

O gestor sublinhou que o equipamento valoriza as contribuições culturais legadas pelos povos africanos trazidos para Salvador na condição de escravizados, fortalecendo os elos da capital baiana com a África e sua diáspora. “Ao visitar esse espaço, além de um mergulho histórico e cultural pelos trânsitos atlânticos, a que Pierre Verger denominou de ‘fluxos e refluxos’, o público também apreciará o minucioso trabalho arquitetônico de Lina Bo Bardi, que promoveu o diálogo do casarão colonial com a arquitetura moderna”, concluiu Assis.

 


Programação musical da Nossa Vila


Foto Bruno Laranjeira/ Divulgação

Montada temporariamente no heliponto do Clube Espanhol, em Ondina, Nossa Vila – vila gastronômica e com temática junina, idealizada pela Oquei Entretenimento – apresenta a programação musical para esta semana, após a flexibilização das medidas restritivas.Como trilha sonora, já estão confirmados os pocket shows da dupla André e Mauro, na quarta (14), às 19h, do cantor Rode Torres, na quinta (15), às 19h, de Danniel Vieira, na sexta (16), às 19h, de Água Fresca, no sábado (17), às 15h, do Forró do Tico, no sábado (17), às 18h, do Gelasamba, no domingo (18), às 15h, e do cantor Gabriel Levy (Isqueminha), no domingo (18), às 18h.

É importante salientar que para maior segurança de todos os presentes, só será permitida a presença de dois músicos por apresentação. Uma oportunidade para que turistas e baianos possam aproveitar a boa música e as delícias do cardápio, que dá destaque à culinária nordestina. Nossa Vila funciona nas quartas e quintas, à partir das 17h, sexta, sábado e domingo à partir do meio dia.

Os gestores da vila seguem à risca todos os protocolos de segurança durante esse período pandêmico para que o público possa se divertir de maneira confortável, prazerosa e segura.

SOBRE A NOSSA VILA

Foto Leandro Planzzo/Divulgação

Nossa Vila foi pensada para proporcionar ao visitante uma experiência única e surpreendente, dentro de uma temática e ambientação que remetem aos festejos juninos. Com cenário que simula uma típica cidadezinha do interior do Nordeste – que nessa época do ano pulsa e esbanja o modo de vida e a tradição do povo brasileiro – a decoração contará com bandeirolas, balões e barracas com venda de bebidas e comidas típicas do São João.

CARDÁPIO NOSSA VILA

Nesse cenário que traz a nostalgia e a saudade dos antigos e tradicionais festejos juninos, a GASTRONOMIA será a atração principal da Nossa Vila.Pratos das culinárias nordestina e mexicana estarão presentes no cardápio elaborado por Mirella Ferreira. Dentre eles, Caldo de Mocotó (que no menu se chamará “Levanta Defunto’); Ragu de Costela; Arrumadinho Nordestino; Risoto Nordestino com Jerimum; Risoto de Galinhada; Moquecas; Paella; Tapa de Polvo; Tortilla Espanhola; Empanada Gallega de Frango.

Ainda tem Queijo Coalho empanado; Salsichão Alemão Tradicional; Quibe de carne do sol recheado com Queijo Coalho; Baião de Dois; Sarapatel; Cordeiro; Maniçoba; “Vigoroso” em duas versões: Carne do sol ou Cupim com creme de queijo coalho e chips de mandioca; Bolinho de joelho de porco; Hambúrguer com carne do sol e melaço e muito mais; Além de saladas, burguers, pizzas e cuscuz, bolos e sobremesas.

“A ideia é valorizar e trazer a gastronomia baiana e do interior, como um elemento de forte apelo cultural. Nesse clima junino, criamos espaços lúdicos que traduzem toda alegria e beleza dessa época do ano”, afirma Ricardo Cal, sócio da Oquei Entretenimento – empresa de eventos responsável pela realização do projeto. “O setor de entretenimento e da gastronomia precisa trabalhar, muitas famílias dependem disso, e trazer novidades de maneira segura nesse momento é muito importante”, enfatiza Ricardo.

Protocolos de segurança – O objetivo dos gestores do projeto é proporcionar uma experiência segura e prazerosa para turistas e baianos. Diante do cenário pandêmico que estamos vivendo, a Nossa Vila segue à risca todos os protocolos de segurança da Prefeitura Municipal de Salvador.

Dentre as exigências: todos que chegarem ao local têm suas temperaturas aferidas; só entra na vila gastronômica quem estiver usando máscara; é proibido circular sem o uso das mesmas. Não é permitido levantar da mesa para dançar; Só é permitido retirar a máscara no momento em que a pessoa estiver bebendo ou comendo; dispensers de álcool gel estão disponíveis por todos os espaços de uso coletivo; As mesas têm distanciamento de 1,5m.

15 Anos da Oquei Entretenimento – Em 2021, a Oquei Entretenimento completa 15 anos de existência. Um ano especial e desafiador para a empresa que atua, ao longo desses anos, com um calendário permanente de mais de 80 eventos na cidade de Salvador; além dos projetos especiais realizados em toda Bahia e em outros estados do Brasil, a exemplo de Rio, São Paulo e Pernambuco.

Grandes artistas e eventos especiais fazem parte do cast da Oquei, sendo reconhecida como uma das grandes produtoras do Estado. A Missão da empresa é proporcionar, através dos seus eventos, momentos que marcam a vida das pessoas, ressaltando tudo de bom que vida pode oferecer.

Nossa Vila

Local: no Heliponto do Clube Espanhol

Endereço: Av. Oceânica, 1404 – Ondina

Funcionamento:
Quartas e Quintas à partir das 17h
Sexta, Sábado e Domingo à partir do meio dia

 


Oficina gratuita de produção de cerveja artesanal


Divulgação

Fabricar a própria cerveja em casa pode ser um hobby prazeroso para quem gosta de apreciar a bebida na forma artesanal. Neste domingo (11), às 15h, acontecerá uma oficina gratuita de produção de cerveja artesanal que será transmitida pelo canal do Café-teatro Nilda Spencer no YouTube (www. youtube. com/c/cafeteatronildaspencer). Não é necessária inscrição prévia.

A atividade faz parte do “Alimento da Alma – Ocupação Gastrocultural do Café-teatro Nilda Spencer”, realizado pelo Coletivo Gastrocultura. O projeto foi contemplado pelo edital de Ocupação e Dinamização de Espaços Culturais da Fundação Gregório de Mattos (FGM).

O mestre cervejeiro CR Moska guiará os interessados no estudo da produção da bebida. Moska é criador da cerveja “Acrática”, produzida desde 2016, e também se dedica ao ensino das técnicas de produção de forma acessível e barata.

A oficina terá momentos teóricos e práticos com foco na produção verdadeiramente artesanal de cervejas, sem o uso de grande aparato, com poucos equipamentos de baixo custo.

Entre os temas que serão abordados: matéria-prima e insumos, tipos de maltes, fermentos e lúpulos, elaboração da receita, utilização do software “Beersmith” na produção de cerveja, limpeza e sanitização, principais estilo e tipos (escolas inglesa, alemã, belga e americana), além de processos da fabricação como moagem, mosturação, fermentação, maturação, carbonatação e envase.


Coffeetown retoma minicursos com aulas sobre drinks


Foto Frederico Pimentel

A Coffeetown volta a realizar programação de minicursos em sua unidade do Corredor da Vitória, respeitando os protocolos e tomando todos os cuidados ainda necessários. A retomada da agenda começa com o minicurso de drinks, que acontecerá nos dias 19 e 20 de julho (segunda e terça), comandado pelos bartenders Adriana Queiroz e Uesclei Santana.

“A ideia é desmistificar o universo dos drinks, fazendo com que as pessoas pensem fora da caixa e notem que podem variar clássicos, dar toques pessoais e coerentes a receitas”, explica Adriana.

No primeiro dia, das 9h às 12h, será ministrada aula teórica de “Introdução ao Mundo do Bar”. No segundo dia, das 9h às 14h, com intervalo de 1 hora, a dupla ministrará aula prática sobre as “Bases do Bar”. As vagas são limitadas, com emissão de certificado.

As inscrições custam R$ 230 (apenas o teórico) e R$ 450 (os dois dias) e podem ser feitas pelo WhatsApp (71) 98344-4478. Os inscritos concorrerão a produtos Beefeater, Absolut e Balla, parceiros do curso.