Choco Summer atrai turistas em Ilhéus


Os turistas que visitarem Ilhéus, no litoral sul da Bahia, até 21 de janeiro, têm um atrativo a mais durante esta temporada: a segunda edição do Choco Summer evento gratuito que alia a produção do cacau e chocolate da Bahia a outros elementos como gastronomia, música ao vivo e artesanato, além de espaço de entretenimento infantil.

Realizado na Avenida Soares Lopes, o evento tem como um dos principais destaques o Pavilhão do Chocolate, que conta com a participação de 46 expositores, desde cooperativas de pequenos produtores até marcas baianas de chocolate sediadas na Costa do Cacau.

“Além de ser mais uma oportunidade para o turista vivenciar a cultura da região, bastante voltada para o cultivo do cacau e produção do chocolate, a feira é mais um atrativo para ajudar a aumentar o tempo de permanência do turista em Ilhéus”, afirma o secretário do Turismo do Estado, José Alves.

Estátua de Jorge Amado no Restaurante Vesúvio em foto de Valter Pontes/Coperphoto

 

Com apoio de órgãos do Governo da Bahia, como a Secretaria do Turismo do Estado, o Choco Summer é promovido no período em que a cidade registra bons índices de ocupação dos hotéis da cidade. Segundo Marco Lessa, presidente do Costa do Cacau Convention Bureau, instituição organizadora do evento, a taxa de ocupação dos meios de hospedagem de Ilhéus chega a 90%.

É o caso do Cana Brava Resort, que tem todos os apartamentos reservados nesta semana. De acordo com o diretor comercial Rafael Espírito Santo, o empreendimento registra ocupação máxima durante toda a primeira quinzena de janeiro, chegando à taxa média de 85% neste mês. Segundo Rafael, “o evento ajuda a ampliar as alternativas de entretenimento para os visitantes”.

Proprietário do hotel La Dolce Vita, Luigi Massa explica que o Choco Summer está se consolidando e começa a atrair turistas. Segundo o empresário, a ocupação dos primeiros 18 dias de janeiro é de praticamente 100%.

(Por Ana Paula Cabral, Setur/BA)


Tour Gourmet com grandes marcas promove pague 1 leve 2


Prato do Zafferano

Já pensou visitar mais de 50 restaurantes, pagar o primeiro prato e levar o segundo de graça, tudo isso por apenas R$ 60? Pois é possível com a chegada a Salvador do Tour Gourmet, um passaporte gastronômico com grandes marcas locais, como RV Lounge, Zafferano, Sorveteria da Barra, Steaking Espetaria, Caju, Cien Fuegos, Eddie Fine Burgers, Paraíso Tropical, Pereira e Casa di Vina.

Ao comprar o passaporte, o cliente ganha um catálogo especial, com páginas destacáveis de cada restaurante. Em cada folha, detalhes do participante, incluindo as regras de sua participação no Tour Gourmet. Cada página do bloco representa um estabelecimento cuidadosamente selecionado, com um benefício exclusivo e uma nova experiência gastronômica que terá duração até 30 de abril de 2018.

Mais informações no http://www.tourgourmet.com.br. O evento tem apoio do Clube Correio, da Vila Caramuru e da Air Europa.

 

 


Arte, história e gastronomia no Dulce Café


O largo de Roma ganhou um espaço especial, o Dulce Café foi inaugurado, dia 14 de dezembro, pelas Obras Sociais Irmã Dulce com projeto visual arrojado e cardápio de qualidade. A identidade visual criada pela designer Goya Lopes e cardápio eclético montado em parceria com fornecedores selecionados, o café nasce com a proposta de tornar-se ponto de encontro numa das regiões mais tradicionais de Salvador, a Cidade Baixa. O espaço funciona diariamente, das 7h às 17h30.

Integrado ao Memorial Irmã Dulce e ao Santuário da Bem-Aventurada Dulce dos Pobres, no Largo de Roma, o Dulce Café ocupa o prédio histórico que abrigou dois projetos da freira baiana: o Círculo Operário da Bahia, primeira organização operária católica baiana, e o antológico Cine Roma, que movimentou a cena cultural de Salvador nas décadas de 1960 e 70 com apresentações de artistas como Roberto Carlos e Raulzito e seus Panteras. Cercado de referências que remetem à memória de Irmã Dulce e dos baianos, o ambiente procura recriar essa atmosfera. “Tudo foi pensado com muito carinho. Nos apegamos aos detalhes para agradar tanto o nosso público, a exemplo dos residentes de medicina e os brasileiros e estrangeiros que visitam o memorial e o santuário, como os moradores de Salvador. Todos vão se encontrar num espaço novo, mas cheio de história, para relaxar e tomar um bom café”, diz a superintendente das Obras, Maria Rita Pontes, antecipando que uma programação cultural, com música e literatura, será agregada ao espaço, ao longo de 2018.

Arte e lazer – Dentro dessa proposta, no ambiente pintado com as cores do Anjo Bom – azul e branco –, se destacam as mesas grandes projetadas para convocar a reunião das confrarias. O layout criado pela arquiteta Izabela Mota, responsável pela atualização do projeto arquitetônico, toma partido do desenho de Goya Lopes, que aciona palavras-chave do universo da beata. A devoção a Santo Antônio e a Nossa Senhora da Conceição, a paixão pela música que serviu de instrumento para a educação e a catequese, bem como o cotidiano marcado pelo acolhimento aos mais necessitados são os temas que nortearam o trabalho da designer.

Desse universo, emerge o repertório simbólico que dá identidade visual ao espaço. Além de criar a marca do Dulce Café, a artista também deixa sua assinatura no painel que remete à história da Mãe dos Pobres e em várias peças que integram o projeto. “Foi muito gratificante contar a história de Irmã Dulce com outro olhar, que é o olhar cultural, que tem esse viés. Para isso, tive que mergulhar em sua trajetória”, ressalta Goya Lopes.

Cardápio – A riqueza da história do Anjo Bom da Bahia se desdobra no cardápio do Dulce Café, que oferecerá algumas das guloseimas produzidas no Centro de Panificação Irmã Dulce, em Simões Filho, como o brownie e a broa de milho. Além dos itens de fabricação própria, serão oferecidos produtos de fornecedores conceituados, como o café da Latitude 13, marca da Chapada Diamantina, que vem se destacando internacionalmente na cozinha de grandes chefs. Para acompanhar, delícias como torta de maçã e outras iguarias. “Vamos trabalhar com doces e salgados, sanduíches e toasts”, diz Flávia Rosemberg, líder do Centro Educacional Santo Antônio – CESA, que abriga o centro de panificação das Obras. Alguns dos itens do menu homenageiam personalidades, como o ator Paulo Gustavo, que ganhou um brigadeiro com seu nome, além da atriz Malu Valle e Iafa Brites, produtora do filme Irmã Dulce.

As Obras Sociais Irmã Dulce contaram com o apoio da arquiteta Izabela Mota, da designer Goya Lopes e com a consultoria de July Allegro, dona da marca Café Latitude 13, que doaram seus talentos para a concretização do Dulce Café. A renda obtida com as vendas do novo espaço será toda direcionada para o CESA, núcleo de educação da OSID, localizado em Simões Filho, que atende 750 crianças e adolescentes em situação de risco social.


Menus especiais para confraternizações de fim de ano


 

Ideal para reunir amigos, familiares e colegas de trabalho, o Barbacoa Salvador oferece diversas opções de cardápio para quem deseja realizar uma confraternização de fim de ano. Entre os pacotes exclusivos para grupos a partir de 20 pessoas, o destaque é a Sugestão Especial Final de Ano, desenvolvida para o mês de dezembro, até o dia 30.

O menu completo inclui couvert, acesso livre ao buffet de saladas, uma opção de grelhado a escolher entre carnes, peixes, frango e risoto, uma guarnição, sobremesa e consumo livre de bebidas (água, refrigerante, chopp e café), pelo valor de R$ 99,90 por pessoa. Além disso, o restaurante está com outras três opções de menu, que variam de R$ 110 a R$ 155 por pessoa.

Para as confraternizações em grupos menores uma boa opção é o tradicional Menu Barbacoa Light, servido apenas no período do jantar, de segunda a sexta-feira. Pelo valor de R$ 62,90 por pessoa, o cliente poderá ter acesso livre ao buffet de saladas, um grelhado acompanhado de uma guarnição e uma sobremesa.

Já para grandes grupos, a partir de 100 pessoas, o Café da Manhã do Barbacoa é uma ótima escolha. Servido das 8h às 11h, o serviço traz várias delícias que incluem seleção de pães, manteiga, frios variados, bolos doces e salgados, tortas, ovos mexidos, aipim, banana da terra, cuscuz de tapioca, cuscuz de milho, beiju, mingau e frutas da época. Para completar o cardápio, o restaurante oferece as bebidas: leite, café, chá, água, chocolate quente e suco de laranja. O valor individual por pessoa sai por R$ 46,90.

Barbacoa Salvador – Av. Tancredo Neves, 909, Caminho das Árvores (3342-4666)
Horário de funcionamento: De segunda a quinta, das 11h30 às 16h e das 18h à 0h | sexta e sábado, das 11h30 à 0h | domingo, das 11h30 às 17h.
Manobrista: R$ 16.

 


Festival Gastronômico na Praia do Forte


Pratos curiosos, combinações cheias de possibilidades e caçarolas saborosas vão imperar na 12ª edição do Festival Tempero no Forte, que tem como tema “Frutas Tropicais”. O evento vai até 10 de dezembro, na Praia do Forte (80 quilômetros de Salvador), um dos mais concorridos destinos do Litoral Norte da Bahia. Os organizadores estimam que o festival deve atrair 20 mil pessoas, público ávido por boa comida. O projeto, com a curadoria da chef Tereza Paim, tem o patrocínio do Governo da Bahia.

O festival percorre o entorno da Praia do Forte. Com vocação para a gastronomia, o charmoso vilarejo reserva talentosos cozinheiros que, ao longo de 12 anos, aperfeiçoaram sua arte e vão apresentar suas criações. Turistas, visitantes e comunidade estarão conectados com os temperos e aromas, e podem aguardar pratos autorais à mesa.

O jantar Tempero, no Tivoli Ecoresort, promoverá uma fusão culinária no primeiro final de semana do evento gastronômico. Assinado a seis mãos pelo casal de chefs Bárbara Camargo e Victor Dimitrow, sócios do Peti Restaurante, em São Paulo, e por Fred Miranda, chef confeiteiro do Tivoli Ecoresort, acontece no sábado (2), às 20h, no restaurante À Sombra do Coqueiral, embalado pelo show da cantora americana Michaela Harrison. O valor do jantar é de R$ 175, por pessoa, com harmonização a cargo da Adega Tio Sam.

A alquimia dos ingredientes dos chefs e cozinheiros é o grande desafio em cada um dos 30 restaurantes participantes. Dentre os confirmados estão Risoteria, Sabor da Vila, Restaurante do Tamar, Tango Café, Taverna Paradiso, Terra Brasil, Made in Bahia, Made in Bahia Pizzaria, Mediterraneus.

Jantar Tempero no Tivoli Ecoresort
Onde: Restaurante À Sombra do Coqueiral, no Tivoli Ecoresort
Quando: 2 de dezembro, às 20h
Valor: R$ 175 por pessoa, com harmonização de vinhos incluída
Reservas: (71) 3676-408