Festa de Iemanjá no Rio Vermelho

Dois de fevereiro, dia de saudar Iemanjá, uma das principais festas do calendário festivo de Salvador que acontece no bairro boêmio Rio Vermelho, onde fica …


Festa da Purificação em Santo Amaro

A tradicional de Festa de Nossa Senhora da Purificação, em Santo Amaro, 81 km da capital,  terra dos irmãos famosos Caetano Veloso e Maria Bethânia, começa com a novena de 23 de janeiro …



Festa do Senhor do Bonfim 2020

A celebração da Festa Jubilar do Senhor do Bonfim 2020, conhecida nacional e internacionalmente como a Lavagem do Bonfim, uma das mais importantes do calendário de festas da …


Carnavalito na Arena Fonte Nova


Fotos Bruno Barretto/ Divulgação

A segunda edição do esquenta do Carnaval de Salvador acontece no sábado (22/02) e segunda-feira (24/02), na Itaipava Arena Fonte Nova, em Salvador. No sábado (22), Denny Denan, Harmonia do Samba e MUDEIdeNOME comanda a festa. Além de uma atração surpresa, que será anunciada em breve e irá fechar a grade do primeiro dia. Já na segunda-feira (24/02), a animação fica por conta de Alok, Luan Santana, Chiclete com Banana e Lincoln & Duas Medidas.

Os artistas estarão pertinho do público, que irão curtir os shows pulando atrás dos dois pranchões elétricos, com cerveja à vontade, no circuito cenográfico montada na Praça Sul da Arena. Quem ainda não garantiu a entrada do Carnavalito 2020 tem até a próxima quinta-feira (dia 9) para adquirir os ingressos com os valores do primeiro lote.

Os ingressos podem ser adquiridos pelo site oficial do Carnavalito – www.carnavalito.com.br. No primeiro lote, o valor do ingresso para cada dia do evento custa R$ 170 (Setor Atrás do Trio com serviço Open Beer) e R$ 370 (Camarote Open Bar). Há ainda a opção Combo Carnavalito para os dois dias de festa, por R$ 306 (Setor Atrás do Trio) e R$ 680 (Camarote Open Bar).

A partir do dia 10 de janeiro, os ingressos para cada dia do Carnavalito passam a custar R$ 190 (Setor Atrás do Trio com serviço Open Beer) e R$ 390 (Camarote Open Bar). Já a opção do Combo Carnavalito para os dois dias do evento passa para R$ 326 (Setor Atrás do Trio com serviço Open Beer) e R$ 700 (Camarote Open Bar).

Em 2020, a festa, que se tornou o esquenta do Carnaval de Salvador, manterá sua estrutura, com o setor Atrás do Trio, onde o folião pode curtir a sensação de estar dentro da avenida, pulando próximo ao seu ídolo com open bar de cerveja Itaipava, e o Camarote Open Bar, que oferece cerveja Itaipava, whisky, vodka importada, refrigerante e água, além de uma vista privilegiada do evento, com todo o conforto e comodidade de um espaço com serviços de SPA e área de beleza, além de sanitários climatizados exclusivos.

O evento contará, ainda, com estacionamento com mais de duas mil vagas e a Praça do Rango, que atenderá a todos os foliões do evento com diversas opções de alimentação, além de espaços para a customização de abadás. O Carnavalito é uma realização da Arena Fonte Nova e Online Entretenimento, com patrocínio da Itaipava.

Carnavalito 2020

Onde: Praça Sul da Itaipava Arena Fonte Nova

Atrações:

Quando: 22 e 24 de fevereiro, sábado e segunda-feira de Carnaval

Horário: das 14h às 22h

Classificação do Evento: 18 anos

Ingressos:

Preços 1º Lote (Até 09/01):

Setor Atrás do Trio Open Beer – R$170,00

Setor Camarote Open bar – R$ 370,00

Preços Combo Carnavalito – sábado e segunda – 1º Lote (Até 09/01)

Setor Atrás do Trio Open Beer – R$ 306,00

Setor Camarote Open bar – R$ 680,00

Preços 2º Lote (A partir de 10/01):

Setor Atrás do Trio Open Beer – R$190,00

Setor Camarote Open bar – R$ 390,00

Preços Combo Carnavalito – sábado e segunda – 2º Lote (A partir de 10/01)

Setor Atrás do Trio Open Beer – R$ 326,00

Setor Camarote Open bar – R$ 700,00

Local de venda:

Site oficial do Carnavalito – www.carnavalito.com.br


Festa de Reis com desfile na Paróquia da Lapinha


Foto da Saltur

Os fiéis da Paróquia Nossa Senhora da Conceição (Lapinha) participarão do tríduo em preparação à Festa da Epifania do Senhor – Festa de Reis. Durante estes dias, sempre às 19h30, haverá a reflexão sobre o tema central “Cristãos, vinde todos!” e sobre os subtemas escolhidos para cada noite: “Alegres acorrem ao Rei do céu” (1ª noite), “Sob véus de humildade podemos ver” (2ª noite) e “Nosso afeto lhe vamos dar” (3ª noite).

No dia 5 de janeiro, a comunidade participará de uma programação especial, que terá início com a Missa às 7h30. Já às 11h30 será servido o almoço, e às 18h será celebrada a Missa Solene, seguida, por volta das 19h, da bênção das barracas e a queima das palhas do presépio. Também neste dia acontecerá o desfile dos tradicionais Ternos de Reis, que sairão da matriz, seguirão até a Soledade e retornarão para a Matriz onde aguardarão outros Ternos de Reis de paróquias da Arquidiocese de Salvador.

No dia festivo, 6 de janeiro, haverá a alvorada às 6h e Missa com batizados às 7h30. O ponto alto da festa será a Missa presidida pelo capelão da Marinha, padre Érico Pitágoras, às 19h. É importante ressaltar que todas as noites os fiéis serão convidados a realizar um gesto concreto por meio da doação de copos descartáveis, produtos de higiene pessoal e de limpeza, alimentos não perecíveis e cobertores, que serão destinados para pessoas carentes.

Festa dos Santos Reis

A Solenidade da Epifania do Senhor, também conhecida como “Dia de Reis”, ou “Dia dos Santos Reis”, comemorado em 6 de janeiro, tem origem na tradição católica que lembra o dia que Jesus Cristo, recém-nascido, recebeu a visita de três Reis Magos: Belchior, Gaspar e Baltazar, vindos do Oriente, guiados por uma estrela. Os três Reis Magos levaram a Jesus ouro, incenso e mirra, que representam as três dimensões de Cristo: a realeza, a divindade e a humanidade (o óleo da mirra servia para embalsamar os mortos). Tais presentes simbolizam, ainda, o futuro da missão de Jesus.

A intenção dos evangelistas ao mostrar os magos vindos do Oriente foi ensinar que o Cristo veio não apenas para o povo de Israel, mas para todos os povos e nações do mundo. A festa popular – também conhecida como Folia de Reis – foi trazida ao Brasil pelos colonizadores portugueses e até os dias atuais é tradição em regiões como o Nordeste, São Paulo e Minas Gerais.


Ensaios de blocos afro e show com muito samba e axé no Pelô


O novo ano começou com a programação diversificada do Pelourinho, um dos principais destinos de baianos e turistas ao longo da temporada de verão. Tem samba, axé, ensaios de blocos afro, entre diversas opções. Bailinho de Quinta, Terça do Olodum e Beto Jamaica são alguns dos destaques. A programação é apoiada pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, por meio do Centro de Culturas Populares e Identitárias.

A primeira Sexta Avassaladora do ano, projeto da banda Samba Trator, agita o Largo Pedro Archanjo, a partir das 20h. Ingressos a R$ 10. Já o Largo Quincas Berro d’Água recebe a força e talento do grupo Tambores do Engenho. Ingressos R$ 10. A Barca da Folia ancora no Largo Tereza Batista, às 20h. A proposta do projeto é mesclar clássicos da música de matriz africana nacional e internacional, além de muitas músicas autorais, tudo isso com bastante groove, alegria e muita descontração. A entrada é gratuita.

Sábado (04) o Bailinho de Quinta já entra 2020 antecipando o clima de carnaval, com show no Largo Tereza Batista, às 20h. A noite conta com a banda Sonora Amaralina fazendo a abertura. Ingressos a R$ 60 e R$ 30. O Samba do Vai Kem Ké não vai deixar parado o Largo Pedro Archanjo, a partir das 20h. O show é aberto ao público. Idealizada pelo grupo camaçariense Afrocidade há três anos, a festa Afrobaile traz ao Largo Quincas Berro d’Água, às 20h, o que há de mais novo nas expressões musicais afrodiaspóricas, embalado pela força e musicalidade do pagode baiano. A banda recebe convidados especiais para movimentar a noite. Ingressos a R$ 20 e R$ 10.

Para curtir o primeiro domingão do ano (05), nada melhor do que um bom samba. É para isso que a banda Afrosambah convida o público no Largo Tereza Batista, a partir das 16h, em seu primeiro ensaio de verão do ano. Ingressos a R$ 5. Já o Largo Quincas Berro D’Água recebe, a partir das 15h, o Ensaio do Bloco de Filhos de Marujo, com a Banda Viola de Marujo, em paralelo a uma Feira de Empreendedores de Matriz Africana. Entrada franca.

O bloco Cortejo Afro dá continuidade aos ensaios de verão, promovendo uma noite de música e diversão ao lado de convidados especiais na segunda-feira (06), às 20h, no Largo Quincas Berro d’Água. Ingressos R$ 40 e R$ 20.

Terça-feira (07) o Largo Tereza Batista recebe o Bahia Percussion Camp – Passado, Presente e Futuro da Percussão na Bahia, das 11h às 17h30. O evento terá mesa redonda com as participações de Mestre Jackson, Goli Guerreiro, Mário Pam, Viviam Caroline, Giba Gonçalves, Jair Rezende, Cenara Rocha, Alexander Vargas e Anderson Souza. O acesso é gratuito. Tradicional evento do verão baiano, as Terças do Olodum abrem temporada às 20h, trazendo ao Largo Tereza Batista a força e impacto da percussão mais conhecida do mundo. Ingressos R$ 70. Também icônico no Pelô, o cantor Gerônimo Santana realiza a primeira edição de 2020 do projeto O Pagador de Promessa, às 20h, no Largo Pedro Archanjo. Ingressos R$ 30 e R$ 15. No Largo Quincas Berro D’Água, uma exaltação à história musical da Bahia toma conta da noite, a partir das 20h, com Ninha da Bahia e os Bambas da Música Baiana. Ingressos R$ 20 e R$ 10.

O cantor Beto Jamaica abre as Quartas em Movimento, no dia 08. Com início às 20h, a noite comandada pelo projeto Movimento do Beto, no Largo Tereza Batista, será aberta pelo bloco afro Bankoma, e o show terá participações de Patrícia (ex-Timbalada) e de Tonho Matéria. Ingressos R$ 20 e R$ 10.

Quinta-feira (09), as cantoras Bia Ferreira e Doralyce promovem Preta Leveza, um show intimista, inédito e autoral que se define como um encontro do amor afrocentrado. Preta Rara e Eva Rapdiva são as convidadas da noite, que acontece no Largo Quincas Berro D’Água, às 20h. Ingressos R$ 20 e R$ 10. No Largo Pedro Archanjo, às 20h, a axé music é representada pela banda Chicafé, que promove show gratuito. Já o Largo Tereza Batista é palco de mais um Baile Afro Muzenza, o bloco continua seus ensaios para o carnaval e recebe convidados. Ingressos R$ 20 e R$ 10.

Sexta Avassaladora – Samba Trator

Largo Pedro Archanjo

Quando: 03 de janeiro, sexta, 20h

Ingressos: R$ 10

Barca da Folia

Largo Tereza Batista

Quando: 03 de janeiro, sexta, 20h

Gratuito

Tambores do Engenho

Largo Quincas Berro D’Água

Quando: 03 de janeiro, sexta, 20h

Ingressos: R$ 10

Samba do Vai Kem Ké

Largo Pedro Archanjo

Quando: 04 de janeiro, sábado, 20h

Gratuito

Bailinho de Quinta

Largo Tereza Batista

Quando: 04 de janeiro, sábado, 20h

Ingressos: R$ 60, R$ 30

Afrocidade – Afrobaile

Largo Quincas Berro D’Água

Quando: 04 de janeiro, sábado, 20h

Ingressos: R$ 20 e R$ 10

AFROSAMBAH

Largo Tereza Batista

Quando: 05 de janeiro, domingo, 16h

Ingressos: R$ 5

Ensaio do Bloco Filhos de Marujo + Feira de Empreendedores de Matriz Africana

Largo Quincas Berro D’Água

Quando: 05 de janeiro, domingo, 15h

Gratuito

Ensaios do Cortejo Afro

Largo Quincas Berro D’Água

Quando: 06 de janeiro, segunda, 20h

Ingressos: R$ 40 e R$ 20

Bahia Percussion Camp – ‘Passado, Presente e Futuro da Percussão na Bahia’

Largo Tereza Batista

Quando: 07 de janeiro, terça, 11h-17h

Gratuito

Terças do Olodum

Largo Tereza Batista

Quando: 07 de janeiro, terça, 20h

Ingressos: R$ 70

Gerônimo – O Pagador de Promessa

Largo Pedro Archanjo

Quando: 07 de janeiro, terça, 20h

Ingressos: R$ 30 e R$ 15

Ninha da Bahia e os Bambas da Música Baiana

Largo Quincas Berro D’Água

Quando: 07 de janeiro, terça, 20h

Ingressos: R$ 20 e R$ 10

Beto Jamaica – Quartas em Movimento

Largo Tereza Batista

Quando: 08 de janeiro, quarta, 20h

Ingressos: R$ 20 e R$ 10

Banda Chicafé

Largo Pedro Archanjo

Quando: 09 de janeiro, quinta, 20h

Gratuito

Preta Leveza – Bia Ferreira e Doralyce convidam Preta Rara e Eva Rapdiva

Largo Quincas Berro D’Água

Quando: 09 de janeiro, quinta, 20h

Ingressos: R$ 20 e R$ 10

Baile Afro Muzenza

Largo Tereza Batista

Quando: 09 de janeiro, quinta, 20h

Ingressos: R$ 20 e R$ 10


Dia 7 acontece a 1ª Terça da Benção do Olodum 2020


Foto Antonio Carvalho/Divulgação

“Terça-feira é dia de Olodum no Pelô” e o evento, que já virou música e tradição para baianos e turistas, já tem a primeira edição de 2020 marcada dia 7 de janeiro. A terça da Benção do Olodum acontece no Largo Tereza Batista, a partir das 20h, e se consolidou como espaço múltiplo privilegiado da expressão da Cultura negra em Salvador, atraindo a curiosidade e o interesse de pessoas de todo o mundo. A festa é fundamentada no tema do grupo para o Carnaval “Mãe, Mulher, Maria, Olodum – Uma História das Mulheres” e também na celebração dos 40 anos de Samba Reggae. Entre os convidados especiais da noite está o cantor Jau.

A origem da Terça da Benção está na prática da Igreja Católica representada pela Irmandade de São Francisco de Assis, que todas as terças-feiras distribuem alimento (caridade), para os necessitados e carentes, acompanhada de uma missa. A partir dessa intensa participação, o caráter da prática ganhou nova dimensão. Passou a ser ponto de encontro de grande parte da juventude negra da cidade, tornando-se um espaço privilegiado para as articulações políticas deste movimento. Neste cenário, o Olodum vem contribuindo e desempenhando um papel fundamental através de suas ações voltadas à valorização deste espaço, alcançando por meio de ações culturais, a atenção da sociedade e da política.

Esta é a 31ª edição da “Terça do Olodum”, criada em 1989 sendo o principal evento de verão de Salvador. Símbolo máximo da cultura afro contemporânea, a festa da Terça da Benção já contou com a participação de artistas como Caetano Veloso, Pablo, Claudia Leitte, Ivete Sangalo, Daniela Mercury, Saulo Fernandes, Armandinho Macêdo, Carlinhos Brown, Margareth Menezes, Inner Circle, Bell Marques, Timbalada, Gilmelândia, Jammil, É o Tchan, Tatau e Ramiro Naka (Guiné Bissau).

Terça do Olodum (The African Bar) & Convidado
Dia: 7 de janeiro de 2020 (1a terça do Olodum)
Horário: a partir das 20 horas
Onde: Largo Tereza Batista
Endereço: Rua Gregório de Matos
Censura: 16 anos
Ingresso: R$70,00 (meia promocional)
Vendas no local e no Planeta Olodum
Informações: 71.3321-5010


Festa da Boa Viagem vai até dia 5


Foto Gaudium Press

Como acontece há mais de 200 anos, inúmeros fiéis participam das homenagens à Nossa Senhora da Boa Viagem e ao Senhor Bom Jesus dos Navegantes. Organizada pela Devoção Senhor Bom Jesus dos Navegantes, este ano a festa terá como tema central Na Gratidão do Povo navega o Anjo Bom da Bahia, e os devotos têm um motivo a mais para comemorar: a Galeota Gratidão do Povo voltará a participar da procissão marítima, após ser completamente restaurada.

Os festejos terão início no dia 27 de dezembro, às 6h, quando acontecerá a alvorada. Já às 7h30 os devotos participarão da Missa, que será seguida da lavagem do templo e de um momento de oração. Às 11h deste mesmo dia haverá o tradicional hasteamento da bandeira da Devoção; e às 19h30 será celebrada a Missa com os vendedores ambulantes e as famílias que residem na região da praia da Boa Viagem.

Entre os dias 28 e 30 de dezembro, sempre às 19h30, acontecerá o tríduo. A cada noite os fiéis refletirão sobre um subtema: “Fé é também crer que, com o Senhor dos Navegantes, a vida não caminha para o caos” (1ª noite), “Maria, Mãe de Jesus, estenda seu manto de esperança sobre nós” (2ª noite) e “O amor e o testemunho na trajetória do Anjo Bom da Bahia nos inspirem a perseverar na missão” (3ª noite).

Um dos momentos mais esperados da festa acontecerá no dia 31 de dezembro, às 9h, quando a galeota descerá ao mar. Às 15h o Arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger, presidirá a Missa do Embarque e, logo após a Celebração Eucarística, por volta das 16h30, a imagem do Senhor Bom Jesus dos Navegantes será embarcada na galeota e navegará da praia da Boa Viagem até o cais do Porto de Salvador, de onde seguirá, em procissão terrestre, até a Basílica Santuário Nossa Senhora da Conceição da Praia (Comércio).

As homenagens continuarão no 1º dia do ano de 2020, quando, às 8h, Dom Murilo presidirá a Missa na Basílica da Conceição da Praia. Já os devotos que estiverem na Matriz da Paróquia Nossa Senhora da Boa Viagem participarão das Missas às 9h e às 10h.

Por volta das 10h, no Comércio, a imagem do Senhor Bom Jesus dos Navegantes será conduzida ao píer da Capitania dos Portos, e seguirá até o Porto da Barra, retornando até o cais do Porto e seguindo até a Ponta do Humaitá. Lá, a imagem será desembarcada e seguirá em procissão terrestre até a Matriz da Paróquia Nossa Senhora da Boa Viagem, onde ficará, até 15h, exposta para veneração pública.

O encerramento dos festejos acontecerá em 5 de janeiro, na Igreja da Boa Viagem. Neste dia, a programação contará com a recitação do Terço, às 15h30, e Missa às 16h. Por volta das 17h acontecerá a procissão terrestre com as imagens do Senhor Bom Jesus dos Navegantes, Nossa Senhora da Boa Viagem e Santa Dulce dos Pobres, saindo da Boa Viagem e passando pela Avenida Luiz Tarquínio, Praça Irmã Dulce (Largo de Roma), Rua Henrique Dias, Baixa do Bonfim, Rua da Imperatriz e Largo da Boa Viagem. (Texto Pascom/Arquidiciose de Salvador)