Projeto Pôr do Sol

Este projeto acontece no Café Terrasse Aliança Francesa de Salvador, na Ladeira da Barra, onde se pode curtir o pôr do sol da Baía de Todos-os-Santos com …


Tango no Pelô


 

 

Como nasceu o tango argentino? Como se dança e quais suas bases? Questões teóricas e práticas sobre a dança portenha (de Buenos Aires, Argentina) são respondidas e praticadas às quintas-feiras, das 18:30h às 20h, na Casa XIV, anexo do Teatro XVIII, na rua Frei Vicente, nº 14, no Pelourinho, Centro Histórico de Salvador (CHS). O curso é destinado a jovens, adultos e idosos com pouca ou nenhuma experiência.

O imóvel é do Estado da Bahia, administrado pelo Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (Ipac), e cedido contratualmente para a ONG Res Inexplicata, com eventos realizados pela Sole Produções. A iniciativa integra o projeto ‘Dei Valor!’ do IPAC que dissemina boas ideias de ocupação de imóveis no Pelourinho.

PATRIMÔNIO DA HUMANIDADE – O tango é uma linguagem surgida a partir de povos imigrantes e dos arredores portenhos (subúrbios de Buenos Aires), marca registrada da região do estuário do Rio da Prata e foi declarado Patrimônio da Humanidade pela Unesco em 2009. Os professores do curso são os dançarinos Alisson George e Jocélia Freire, que orientam na condução do par, privilegiando a dança a dois, sem diferenciação de gênero.

“Um dos intuitos é que a condução independa do gênero. O tango é uma conversa. E, como um bom papo, precisa de duas pessoas em prontidão de fala”, explica Alisson. No curso, são repassados fundamentos, história e a situação do tango hoje. “As aulas acontecem no palco, preparando todos para o salão, estimulando as coreografias”, aponta Alisson. O limite do curso é de 20 vagas. A aula avulsa custa R$ 25, o plano mensal está a R$ 80 e para integrantes da Associação Baiana dos Amantes de Tango (Abatango) o valor é de R$ 70.

ESPAÇO ABERTO – “A Casa XIV é um espaço aberto à experimentação, aperfeiçoamento e qualificação, seja nas artes plásticas, música, teatro ou dança. Recebemos o ano todo grupos de diversas linguagens que nos procuram para ensaios, oficinas e espetáculos recém montados”, completa Simone Carrera, diretora da Sole Produções e coordenadora do espaço.

Aulas de tango
Dias: Sempre às quintas-feiras
Horário: Das 18:30h às 20h
Professores: Alisson George e Jocélia Freire
Inscrições e informações: [email protected] ou (71) 3322-0018


Diversidade musical marca shows no Pelourinho


Scambo em foto divulgação de Marcelo Santana

A diversidade musical toma conta dos Largos do Pelourinho. Turistas e baianos podem conferir os ritmos que agitam o público no Centro Histórico nesse fim de semana: rock, samba, axé, forró, samba reggae.

(mais…)


Forte Santo Antônio sedia o 6º Festival Internacional de Capoeiragem


O 6º Festival Internacional de Capoeiragem, promovido pelo Instituto CTE Capoeiragem, acontecerá no Forte da Capoeira – Santo Antônio Além do Carmo, de 18 a 21 de janeiro de 2017 e contará com a presença de grande parte da nação mundial da capoeira. Em pleno verão da Bahia, capoeiristas de todos os continentes se farão presentes no evento.

(mais…)


Margareth Menezes e Baiana System abrem Noites Tropicais

A banda Baiana System é a convidada de Margareth Menezes, que volta a comandar o Mercado Iaô, no dia 8 de janeiro, com o seu projeto Noites Tropicais.


Russo Passapusso da Baiana System e Margareth Menezes em Noites Tropicais no Mercado Iaô

A banda Baiana System é a convidada de Margareth Menezes, que volta a comandar o Mercado Iaô, no dia 8 de janeiro, com o seu projeto Noites Tropicais. Com esta nova proposta, a cantora vai homenagear a Tropicália e comemorar os seus 30 anos de carreira, sempre na companhia de artistas convidados, nos shows no Mercado Iaô, nos ensaios no Projeto Tamar da Praia do Forte (a partir do dia 27/02) e no Carnaval.

(mais…)


Olodum e as Deusas e Rainhas Africanas


Foto divulgação Magali Moraes

Para valorizar o empoderamento feminino, o Olodum dará na primeira terça de 2017 destaque as primeiras mulheres do mundo a chegarem ao poder e ter destaque nos seu tempo. No próximo dia 3, na Praça Tereza Batista, a partir das 20 horas, a banda percussiva inicia sua temporada e homenageia deusas e rainhas africanas.

(mais…)